141 mil estudantes retornam às unidades municipais nesta segunda-feira

Nesta segunda-feira (19/2), os 141 mil estudantes da rede municipal de ensino voltam às aulas. São crianças, jovens e adultos que buscam conhecimento, formação e desenvolvimento em escolas municipais, Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e Centros de Educação Infantil (CEIs) contratados pela Prefeitura.

“É um momento de reencontro, de chegar com ânimo renovado para retomar os estudos, o aprendizado”, diz a secretária Maria Sílvia Bacila.

As aulas no primeiro semestre vão até 13 de julho. O recesso será de 16 a 30 de julho e o encerramento das atividades letivas de 2018 será dia 21 de dezembro.

Unidades municipais

Com o fim das férias, as atividades recomeçam em 185 escolas municipais e 208 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs), as creches da Prefeitura, onde 38,1 mil meninos e meninas de três meses a 5 anos de idade serão cuidados e educados.

Também reiniciam as atividades nos 75 Centros de Educação Infantil (CEIs) contratados pela Prefeitura para o atendimento de nove mil crianças da mesma faixa etária.

Em relação aos CMEIs, a secretária Maria Sílvia destaca que, no ano passado, já foram abertas duas mil novas vagas, e este ano serão outras 1033 para atender os pequenos. “Começaremos com 600 crianças já no início do período letivo e vamos estender o atendimento ao longo do ano”, explicou.

Segunda casa

Alissa Nuñez, de 12 anos, da Escola Municipal Prefeito Omar Sabbag, no Cajuru, conta que está ansiosa pelo início das aulas e espera que os colegas estejam tão motivados quanto ela, que integra a equipe de robótica e vê a escola como uma segunda casa.

“Espero um ano cheio de alegrias, conquistas, compartilhamentos, garra, superação e de muita, mas muita diversão”, afirma a estudante.

Educação para o trânsito

Uma das primeiras lições deste ano na rede municipal de ensino será envolver crianças, estudantes, profissionais e funcionários em ações educativas sobre o trânsito.

A primeira atividade será na Escola Municipal Professor Brandão, no Alto da Glória. As atividades envolvem policiais militares, guardas municipais e agentes da Setran, que fazem abordagens a professores, pais, responsáveis, estudantes e motoristas de transporte escolar. O trabalho será realizado em unidades da rede pública (municipais e estaduais) até 5 de março.

Linhas do Conhecimento

Com a volta às aulas, os estudantes também vão poder explorar novos roteiros no programa Linhas do Conhecimento, como a Biblioteca Pública do Paraná, Cinemateca, o Farol do Saber e Inovação, Parque Bacacheri, Memorial Ucraniano, Praça Zumbi dos Palmares, Aeroclube do Paraná.

A primeira atividade de 2018 levará estudantes à exposição Portinari – A Construção de uma Obra. As visitas orientadas serão realizadas em março, mas os professores interessados podem inscrever as turmas (e participar do processo de seleção) até o dia 28 de fevereiro. O formulário de inscrição está em http://www.educacao.curitiba.pr.gov.br/conteudo/linhas-do-conhecimento/8267.