Balé Teatro Guaíra tem oficinas e projeto para novos criadores.

Balé Teatro Guaíra tem oficinas e projeto para novos criadores

A agenda de ensaios do Balé Teatro Guaíra para 2016 já começou. Até sexta-feira (4), a coreógrafa Ana Vitória e a assistente Andréa Bergallo fazem um ciclo de atualização de coreografia e elenco das obras Trânsito (2001) e Orikis (2001). As duas obras são de autoria de Ana Vitória.

Também até sexta-feira (4), a professora e pesquisadora do Curso de Dança da Faculdade de Artes do Paraná, Gladis Tridapalli, ministra aulas de dança contemporânea, como mestra convidada.

Ainda no mês de março, em data a definir, acontecerá o lançamento da Plataforma Novos Criadores, projeto que irá receber propostas de bailarinos da companhia que tenham interesse na criação coreográfica. Os projetos selecionados serão produzidos pelo CCTG e incorporados ao repertório do BTG.

Ainda compondo a agenda do primeiro trimestre, o BTG se apresentará com o espetáculo Cinderela no dia 30 de março, em Maringá, e 2 e 3 de abril, em Cascavel.

NOVOS BAILARINOS – No fim do ano passado, o Balé Teatro Guaíra fez audição para novos bailarinos. Foram aprovados Cesar Nunes (BA), Danyla Bezerra (SP), Malki Pinsag (PR), Marcela Pinho (SP), Nayara Michaele (MG), Natanael Nogueira (SP), René Sato (SP) e Rodrigo Castelo Branco (PE).

Eles se somam aos 25 bailarinos que integram à companhia: Andre Neri, Ane Adade, Cesar Nunes, Daniel Siqueira, Danyla Bezerra, Deborah Chibiaque, Fábio Valladão, Juliana Rodrigues, Karin Chaves, Leandro Vieira, Luciana Voloxki, Malki Pinsag, Marcela Pinho, Natanael Nogueira, Nayara Santos, Nelson Mello, Patrich Lorenzetti, Patricia Machado, Raphael Ribeiro, Regina Kotaka, Reinaldo Pereira, Rene Sato, Rodrigo Castelo Branco, Soraya Felício e Wanderley Lopes.