Cidadãos de Santa Catarina começam a receber alertas da Defesa Civil

O primeiro alerta por celular sobre riscos de desastres naturais foi enviado na tarde desta quarta-feira (8) a cerca de 400 moradores de Ponte Serrada, na região oeste de Santa Catarina. O serviço, desenvolvido pela Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec) do Ministério da Integração Nacional, já está disponível para 20 municípios catarinenses.

Desde o dia 1º de fevereiro, nessas localidades, usuários de todas as operadoras de telefonia móvel começaram a cadastrar seus aparelhos gratuitamente para receber os alertas.

O conteúdo da primeira mensagem de texto, enviada às 13h42 a usuários já cadastrados para receber o serviço, chama a atenção sobre riscos de alagamento e recomenda que moradores evitem ficar em áreas de maior vulnerabilidade.

As notificações da Defesa Civil são enviadas a qualquer instante pelo Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), responsável pelo monitoramento em tempo real, durante 24 horas por dia, de dados relativos à ocorrência de desastres naturais, como mudanças climáticas, mapas de áreas de risco de deslizamentos e inundações. Os alertas por SMS são gratuitos e o recebimento do conteúdo é opcional.

De acordo com o diretor do Cenad, Élcio Barbosa, o objetivo é evitar que moradores em áreas de risco sejam surpreendidos por fenômenos meteorológicos e, com antecedência, possam buscar locais seguros.

“Chegando previamente à população, os alertas vão possibilitar que as pessoas saiam de casa antes de uma inundação, enxurrada ou deslizamento atingirem uma determinada localidade, por exemplo. Elas terão tempo para procurar abrigos e orientações da Defesa Civil”, afirmou.

Após a fase inicial de testes, com duração de quatro meses, a iniciativa será ampliada gradativamente para todas as cidades do País, começando pelos demais municípios de Santa Catarina e, em seguida, os estados de São Paulo e Paraná. O serviço conta com a parceria dos órgãos de Defesa Civil nos estados e municípios e da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

Cadastro

Para receber as informações, o usuário precisa se cadastrar enviando o Código de Endereçamento Postal (CEP) do local de interesse para o número 40199. É possível registrar mais de um CEP.

O usuário receberá então uma mensagem de confirmação informando que o celular está apto a receber os alertas. Também será possível cancelar o serviço a qualquer momento. Não há custo para receber, nem enviar as mensagens.

As cidades catarinenses que fazem parte do projeto-piloto são: Araranguá, Pedras Grandes, São João Batista, Ilhota, Balneário Rincão, Mirim Doce, Barra Velha, Caçador, Herval d’Oeste, Itapiranga, Ponte Serrada, Maravilha, São Carlos, Arvoredo, Ponte Alta do Norte, Rio dos Cedros, Araquari, Urubici, Rio do Sul e Três Barras.

Passo a passo para ter acesso ao serviço:

1. Cadastro: o cidadão deve enviar o número de seu CEP para 40199;

2. Consulta: para consultar o CEP cadastrado, envie a palavra CONSULTAR para o número 40199.

3. Cancelamento: para cancelar o serviço, envie CANCELAR e o CEP, sem espaços ou hifens, para 40199.