Cinemateca exibe mostra itinerante de filmes argentinos nesta semana

A Cinemateca de Curitiba apresenta nesta terça-feira (07/11) e quarta (08/11) quatro produções argentinas inéditas. As obras fazem parte de uma mostra itinerante, organizada por diretores de cinema contemporâneo da Argentina. As sessões, às 17h e 19h, são gratuitas.

Dois dos filmes em exibição são documentários.  O primeiro, “Buscando a Tita”, aborda a vida de Tita Merello, figura emblemática do cinema e do tango argentino.

O segundo mostra o grupo de teatro Catalinas Sur do bairro de La Boca, representando a peça teatral “Viemos de muito longe”, referente aos imigrantes que chegaram à Argentina.

As outras duas produções são obras de ficção: “Abzurdah”, sobre um relacionamento originado na internet, e “Kryptonita”, sobre a invasão de um hospital por uma quadrilha.

Mostra Itinerante de Diretores Argentinos de Cinema Contemporâneo

7 de novembro

17h – BUSCANDO A TITA

Diretora Teresa Constantini, 2016 – ARG, Documentário, 58 min.

O filme recorre à vida e obra da cantora e atriz Tita Merello, figura emblemática da cultura argentina. O documentário a mostra desde o seu começo como bailarina de varieté, até a sua consagração como cantora popular de tango e sua transformação como uma estrela de cinema.

19h – ABZURDAH

Diretora Daniela Goggi, 2015 – ARG, Drama, 90 min.

A adolescente Cielo conhece pela internet um homem nove anos mais velho, com quem inicia um relacionamento, que se torna uma obsessão para a garota. A adolescente, uma narradora loquaz, incisiva e vertiginosa, nos conduz através de uma história de amor não correspondido, onde a opção de parar de comer torna-se a ilusão de uma vida perfeita.

8 de novembro

17h – VIEMOS DE MUITO LONGE

Diretor Ricardo Piterbarg, 2012 – ARG, Documentário comédia, 105 min.

Desde 1990 a trupe teatral Catalinas Sur do bairro La Boca encena a peça “Venimos de muy lejos” sobre a vida das diversas gerações de imigrantes que chegaram à Argentina no começo de século XX. Além de apresentar um registro da peça teatral, o filme também cria uma história fictícia representando a rotina dos filhos e netos dos imigrantes, para mostrar como eles interagem com o país e com a comunidade onde moram.

19h – KRYPTONITA

Diretor Nicanor Loreti, 2015 – ARG, Ação/Drama, 80 min.

Um médico e uma enfermeira de plantão passam as noites monótonas em um hospital, mantendo-se acordados com pílulas. Porém, um de seus turnos vai ser bem diferente quando uma famosa quadrilha de ladrões invade o lugar.

Local: Cinemateca de Curitiba – R. Carlos Cavalcanti, 1174, Centro

Entrada franca