Confira as datas e locais para o descarte de lixo tóxico

á estão disponíveis para consulta as datas e locais de permanência do caminhão que faz o recolhimento de Lixo Tóxico em Curitiba, para o ano de 2019. O cronograma pode ser acessado pelo site que traz as informações da coleta de lixo na cidade. Em breve, os coletores e as Administrações Regionais da cidade farão também a distribuição do material impresso para a população.

Na área destinada ao Lixo Tóxico estão também orientações sobre quais materiais devem ser destinados a este tipo de coleta, além de dicas e cuidados com os resíduos. As datas e locais ficam no botão Calendário das coletas e os endereços, no botão Locais permanentes.

 

O caminhão recebe quantidades pequenas (até 10kg por pessoa), de domicílios, sempre das 7h30 às 15h. Podem ser levados materiais como pilhas, baterias, toners de impressão, embalagens de inseticidas, tintas, cola, solventes, remédios vencidos, lâmpadas fluorescentes (até 10 unidades), equipamentos eletrônicos portáteis, óleos de origem animal e vegetal (embalados em garrafas PET de 2 litros).

O material recebido é descarregado pelo caminhão a cada 15 dias e encaminhado a um aterro industrial para a destinação correta, conforme o tipo de resíduo. Terminais de ônibus com maior movimento recebem o descarte de até 80 pessoas por dia.

Como fazer?

Até o momento de levar para os caminhões, o lixo tóxico deve ser armazenado em casa, separado do restante do lixo para evitar riscos à saúde e ao meio ambiente. O descarte indevido, junto com o lixo domiciliar ou reciclável, pode causar contaminação do solo, da água e do ar, pela liberação de metais pesados e outros componentes químicos.

O recolhimento de lixo tóxico é ofertado gratuitamente pelo município de Curitiba desde 1998.