Estreia com Derrota

O Paraná Clube não conseguiu pontuar em sua estreia no Campeonato Paranaense. Com um time em formação – e ajustes de última hora –, o Tricolor ainda se deparou com um gramado pesado devido às chuvas e uma expulsão polêmica ainda no primeiro tempo. Um cenário que trouxe uma carga de dificuldade ainda maior e, no final, o Operário soube tirar vantagem de tudo isso e venceu por 1×0.

Reformulado, o time do técnico Dado Cavalcanti iniciou a partida com apenas quatro remanescentes do ano passado e seis estreantes. O treinador sabia que teria que ser um jogo de superação. Afinal, foram apenas 18 dias de treinamentos. Defensivamente bem, o Paraná encontrou dificuldade na articulação e na sua transição ofensiva, diante da boa marcação da equipe de Ponta Grossa. O jogo, no primeiro tempo, foi equilibrado e de poucas – ou nenhuma – chances para os dois times.

 

Só que aos 41 minutos, num carrinho em disputa de bola, o zagueiro Eduardo Bauermann foi expulso (cartão vermelho direto) pelo árbitro Paulo Roberto Alves Júnior. O lance mudaria o panorama da partida. O Paraná passou, no segundo tempo, a viver de contra-ataques. Aos 12 minutos, numa escapada de Higor Leite, Jenison escorou para Keslley, que cabeceou por sobre o travessão. Foi a última jogada de Keslley, que deu lugar a Rodrigo Carioca.

O Operário chegou com perigo em chutes de Jean Carlo e Robinho, mas Thiago Rodrigues mostrou que está em ótima forma. Do outro lado, Higor Leite cobrou falta com perigo, mas ninguém conseguiu desviar para a rede. Bruno Batata ainda perdeu uma boa chance, mas, as jogadas de maior perigo viriam na sequência. Higor Leite cobrou falta, a bola desviou e o goleiro Simão conseguiu tocar na bola, que explodiu na trave. Na cobrança do escanteio, Rodolfo testou e Simão salvou sobre a risca.

O Fantasma, então, decidiu apostar na jogada aérea, com Bruno Batata e Schumacher. Mas, quem decidiu foi o baixinho Dione. Aos 42 minutos, a bola passou por toda a área paranista e Dione teve tempo para dominar e bater cruzado para marcar o único gol da partida: Operário 1×0. O Paraná, agora, volta a campo na quinta-feira (24), quando encara o Foz, mais uma vez na Vila Capanema.

Fonte: Site oficial do Paraná Clube