Lesões nos Joelhos – Parte 2

O tratamento empregado vai depender muito do tipo de lesão, em alguns casos são necessários métodos cirúrgicos, em outros apenas tratamentos clínico e fisioterápico, são suficientes. O tratamento, na maioria das vezes, tem ação conjunta do médico ortopedista e do fisioterapeuta, para um resultado final eficaz.

Nos casos onde se faz necessário, procedimentos cirúrgicos, recomenda-se a fisioterapia pré e pós-operatória. Na fase aguda, com o objetivo de aliviar as dores e prevenir atrofias musculares, utilizam-se também, exercícios isométricos que devem ser realizados sob a supervisão diária do fisioterapeuta.

Em situações em que existem outras articulações envolvidas, ou quando os músculos ficam com muitos encurtamentos musculares, uma excelente opção de tratamento, é utilizar a Reeducação Postural Global (RPG), uma especialização da área da fisioterapia, que promove o alongamento dos músculos, o fortalecimento, o realinhamento das articulações do corpo e a correção das alterações posturais, que por ventura tenham surgido, devido ao trauma sofrido. A RPG, pode ser utilizada como forma de tratamento nos joelhos tanto em casos de pós-operatório, como em situações decorrentes de reumatismos, dores e alterações posturais.

Existem também queixas de dores nos joelhos, decorrentes de processos inflamatórios e/ ou reumáticos, esses também precisam de tratamentos, na sua maioria apenas tratamento conservador, com fisioterapia, que utilizará equipamentos analgésicos e anti-inflamatórios, aplicados diretamente no local da dor, e após é realizado um trabalho com exercícios, orientados, visando melhorar o trofismo e a resistência da musculatura.

A fisioterapia num caso de pós-operatório, é iniciada o quanto antes, de modo que o período de imobilização, seja o mais breve possível, sempre com a liberação do medico que operou o paciente.

A mobilização, os movimentos, através de exercícios adequados, sob supervisão do fisioterapeuta, e associados com aparelhos específicos, previne as fibroses, as lesões da cartilagem articular e auxilia na cicatrização dos tecidos, de maneira mais rápida e eficaz. O trofismo, a massa muscular, é recuperada, graças ao treinamento de fortalecimento adequado e gradativo. O objetivo é um joelho sem dores, flexível, que consiga realizar seus movimentos de maneira normal saldável.

Especialista em Coluna Vertebral, Traumato Ortopedia Funcional, RPG e Terapia Crânio Sacral. Pós-graduada na Inglaterra. Atende na FISIOCENTER. Av. Silva Jardim, 266 – Rebouças