Créditos: Mauricio Mano/Site Oficial

Rubro-Negro é derrotado em Florianópolis

O Rubro-Negro encerra a participação na edição 2017 do Campeonato Brasileiro no próximo domingo (3). No estádio atleticano, às 17h, o Furacão recebe o Palmeiras pela 38ª e última rodada da competição nacional.
Primeiro tempo
A primeira chance de gol da partida foi da equipe da casa, aos quatro minutos. Maicon fez jogada pela direita e tocou para Maurinho, que bateu de fora da área para defesa de Weverton.
Aos 13’, o Furacão sofreu uma baixa. Lucho González deixou o campo, machucado, para a entrada de Eduardo Henrique.
O gol da partida saiu aos 15 minutos da primeira etapa. Maicon recebeu dentro da área e bateu cruzado para marcar.
A chance do empate veio aos 20’. Luca Fernandes recebeu dentro da área e cruzou para Eduardo Henrique, que cabeceou para baixo, como manda o “manual”. O goleiro Douglas praticou uma ótima defesa.
Novamente de cabeça, mas desta vez com Pablo, o Rubro-Negro voltou a assustar aos 28’. Fabricio cobrou escanteio da esquerda e o camisa 92 desviou na primeira trave. A bola passou à frente do gol.
Aos 32’, foi a vez de Rossetto tentar. Ele arriscou o arremate de fora da área e a bola passou à direita, rasteira.
Segundo tempo
O Atlético Paranaense voltou do vestiário em busca do gol de empate. Logo no primeiro minuto, Fabricio bateu um escanteio direto para o gol e obrigou Douglas a fazer boa intervenção.
Aos 12 minutos, Sidcley foi derrubado na área e o árbitro assinalou o pênalti. Depois de quatro minutos de atendimento ao zagueiro Alemão, do Avaí, que levou a pior no lance, Fabricio cobrou para fora.
O goleiro Weverton apareceu com destaque aos 30’. Depois de cobrança de escanteio, Alemão cabeceou e o arqueiro atleticano salvou.
Dez minutos depois, foi a vez do goleiro do Avaí trabalhar. Rossetto levantou na área e Douglas se esticou para tirar antes da chegada de Sidcley.

O primeiro jornal de Curitiba com conteúdo em Realidade Aumentada.