Seguradoras não podem usar nome da Paranaprevidência para vender seguro em grupo

A Paranaprevidência recebeu em junho, via ouvidoria e call-center, 150 denúncias relativas a seguradoras que estão oferecendo seguros de vida em grupo aos aposentados e pensionistas em nome da instituição. Em janeiro, este número era de apenas 17 registros.

O diretor-presidente da Paranaprevidência, Rafael Iatauro, explica que existem dois tipos de seguros para os beneficiários da instituição. O seguro de vida compulsório (pecúlio) criado por lei e que não pode ser cancelado, cuja responsabilidade de pagamento é da instituição e cujo desconto na folha de pagamento dos aposentados e pensionistas é de R$ 2,08. “Este seguro está demonstrado nos contracheques do beneficiários dos três poderes”, afirma Iataura.

A outra modalidade de seguro de vida é o facultativo, ou seja, seguros de vida em grupo firmados entre o servidor – ativo ou aposentado – e uma corretora de seguros. Sobre este tipo de seguro não há qualquer interferência da Paranaprevidência. “Neste caso nós apenas fazemos o desconto em folha dos aposentados e pensionistas”, explica Iatauro.

Segundo ele, as denúncias têm ocorrido porque algumas seguradoras estão usando o nome da instituição para fazer contato com os beneficiários. “É preciso que os aposentados e pensionistas estejam alertas. Existem instituições utilizando o nome da Paranaprevidência para oferecer seguros de vida”, relata. “Nós não encaminhamos qualquer representante, nem mantemos nenhum funcionário nosso para este tipo de trabalho”, completa.

A orientação, caso o beneficiário seja procurado por um representante de corretora de seguros, é fazer boletim de ocorrência diretamente na Polícia Civil do Paraná, na Delegacia de Estelionato e Desvio de Cargas, no caso de Curitiba, ou em qualquer delegacia em municípios do interior do Estado. A Paranaprevidência sugere também que os aposentados e pensionistas formalizem queixa junto ao Procon/PR.

A instituição mantém ainda o call-center (41) 3304-3737 para atendimento.