Time brasileiro BC3 de bocha O time BC3 de bocha do Brasil recebeu 55% dos votos Danilo Borges/Brasil 2016

Time BC3 de bocha é eleito melhor da Paralimpíada

Formado por Evelyn Oliveira, Antonio Leme e Evani Soares, o trio brasileiro venceu a Coreia do Sul por 5 a 2 na disputa da medalha de ouro.

Medalhista de ouro, o time brasileiro BC3 de bocha foi eleito a melhor equipe dos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro. O resultado foi divulgado, nesta sexta-feira (28), pelo Comitê Paralímpico Internacional (IPC, em inglês).

Formado por Evelyn Oliveira, Antonio Leme e Evani Soares, o trio brasileiro venceu a Coreia do Sul por 5 a 2 na disputa da medalha de ouro. Vale ressaltar que a equipe asiática é a número 1 do mundo e havia superado o Brasil na fase classificatória, já na Paralimpíada.

O time BC3 de bocha do Brasil recebeu 55% dos votos e deixou para trás a equipe australiana de rugby em cadeira de rodas (16%) e as estadunidenses do vôlei sentado (15%). O futebol de 5 masculino do Brasil também concorreu, bem como as turcas do goalball feminino e as chinesas do revezamento 4x100m T11-13, do atletismo.

Em decorrência dos Jogos Paralímpicos do Rio 2016, o IPC decidiu modificar a premiação mensal, que antes era destinada apenas para o atleta do mês. Em setembro, foram escolhidos os melhores atletas no masculino, entre as mulheres e o melhor time – todos baseados no resultado da Paralimpíada.

O Irã faturou o prêmio nas outras duas categorias. O halterofilista Siamand Rahman havia vencido a premiação dos homens, enquanto Sareh Javanmardidodmani, do tiro esportivo, foi a melhor atleta feminina do mês.