15.4 C
Curitiba
sexta-feira, 24 maio 2024

Cini e outras empresas reforçam a campanha de solidariedade de Curitiba para ajudar o Rio Grande do Sul

Nesta quarta-feira (8/5), a empresa paranaense de refrigerantes Cini se uniu à Campanha Solidária organizada pela Prefeitura de Curitiba, destinada a ajudar a população vítima das chuvas no Rio Grande do Sul. A empresa doou 7.450 litros de água mineral entregues ao Banco de Alimentos de Curitiba.

Outras empresas também aderiram à causa. Nesta quarta-feira, a Fundação de Ação Social (FAS) recebeu doações feitas pelas empresas Companhia de Celulose e Papel do Paraná (Cocelpa) e Landis+Gyr, esta última atuante na área de gerenciamento de energia. Ambas integram o Plano de Auxílio Mútuo da Cidade Industrial de Curitiba.

Juntas as duas empresas doaram 642 litros de água mineral, 264 litros de leite, 153 kg de alimentos não perecíveis e itens de limpeza e higiene pessoal, incluindo fraldas e lenços umedecidos para bebês. A Cocelpa também contribuiu com roupas e a Landis+Gyr com pallets para facilitar o transporte dos produtos até o Rio Grande do Sul, trabalho que será realizado pela Defesa Civil do Paraná. Todos os produtos foram entregues ao Disque Solidariedade, na sede da FAS, no Campo Comprido, transportados em carros e caminhonetes.

Fernanda Celinski, coordenadora da Cocelpa, que possui duas unidades, uma na CIC e outra em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba, relatou que as doações foram feitas pelos colaboradores da empresa. “Iniciamos a arrecadação na sexta-feira; algumas pessoas preferiram doar produtos e outras dinheiro, que foi utilizado para a compra de itens que consideramos importantes”, disse ela, ao lado de colegas de trabalho que auxiliaram no transporte.

Na Landis+Gyr, a colaboração veio dos trabalhadores e da própria empresa, que se uniram para doar os itens mais necessários para a população gaúcha neste momento. Andressa Souza, analista de Qualidade, explicou que a Landis+Gyr, que conta com 300 colaboradores, sempre realiza ações de voluntariado em situações de emergência e em datas comemorativas, como Natal e Dia das Crianças. “Nos unimos desta vez para contribuir com o povo do Rio Grande do Sul, que está enfrentando tantas dificuldades”, afirmou.

Rodrigo Alípio, da Defesa Civil da Prefeitura de Curitiba, recebeu as doações ao lado da coordenadora do Disque Solidariedade, Silvia Toaldo, e agradeceu a solidariedade dos trabalhadores e empresas. “Estamos muito gratos pelo poder de organização que a população e as empresas têm demonstrado em tão pouco tempo para ajudar o Rio Grande do Sul”, ressaltou.

O que doar

As doações continuarão a ser recebidas por tempo indeterminado e a população de Curitiba pode contribuir em 439 locais diferentes. Neste momento, o pedido é principalmente para água mineral, além de alimentos não perecíveis, itens de higiene pessoal e limpeza, identificados pela Defesa Civil do Rio Grande do Sul como prioridades.

  • CLIQUE AQUI para ver o endereço do posto mais próximo.

Todas as doações arrecadadas por Curitiba estão sendo entregues e ficarão armazenadas no Pavilhão da Defesa Civil estadual, localizado na Rua Vidal Natividade da Silva, 555, Cajuru, até que sejam transportadas para o estado gaúcho.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 118 | MAIO/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS