Ceasa Curitiba ensina a evitar desperdícios no curso Culinária Sustentável

Evitar o desperdício de alimentos e usar a criatividade para diversificar hábitos saudáveis são objetivos do curso Culinária Sustentável, que será realizado na segunda (29) e terça-feira (30) na Ceasa Curitiba. O curso é destinado a merendeiras, cozinheiras e famílias em situação de vulnerabilidade social atendidas pelo Programa Banco de Alimentos da Ceasa Paraná.

O curso acontecerá na cozinha industrial da Ceasa no bairro Tatuquara e será patrocinado pela Extrato de Tomate Elefante. As atividades serão conduzidas pela empreendedora e chefe de cozinha Regina Tchelly.

O diretor agrocomercial da Ceasa Paraná, Edimar Leduc Peixoto, conta que o Banco de Alimentos desenvolvido nos cinco mercados da empresa no Estado – em Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel e Foz do Iguaçu – já faz um importante trabalho para evitar o desperdício de hortigranjeiros comercializados no atacado.

“Temos a parceria dos agricultores e dos permissionários com a doação de produtos que, por um motivo ou outro, não seriam vendidos, e acabariam sendo descartados ao aterro sanitário”, diz Edimar. “Depois de separados e selecionados, os hortigranjeiros são encaminhados aos 531 hospitais, creches e orfanatos cadastrados no programa.” Em média são repassados por mês 518 mil quilos de hortigranjeiros, que beneficiam cerca de 130 mil pessoas.

Segundo a chefe de cozinha Regina Tchelly, além de combater o desperdício de alimentos, o curso também é uma alternativa para a geração de renda. “Damos orientações básicas de como utilizar o alimento em sua totalidade. Talos e cascas de legumes e frutas, por exemplo, podem ser transformados em saborosos refogados, bolos, geleias, sucos, de maneira simples, prática e nutricional”, diz a chefe de cozinha.

Outro objetivo é ajudar a desenvolver a responsabilidade social em conjunto com a gastronomia entre famílias de baixa renda. O curso inclui ainda noções de sustentabilidade, oficinas práticas de receitas contendo reaproveitamento de alimentos e ideias sobre empreendedorismo, tornando as receitas rentáveis.

Divididos em quatro grupos – das 8h às 12h e das 12h às 14h – os participantes receberão material didático e livro com receitas.