Feiras da Primavera têm boas opções de presentes para o Dia das Crianças

O Dia das Crianças (12/10) se aproxima e restam somente nove dias para conferir as novidades e presentes das Feiras Especiais da Primavera e Criança nas praças Osório e Santos Andrade. Até 11 de outubro, os dois locais reúnem opções de lembranças criativas para a criançada, bem como produtos com temática flores, artesanato para casa e comidas de várias partes do mundo.

Pais que vão às feiras deste ano se encantarão com os fantoches criados pela artesã Vilma Maria da Silva. Impossível chegar na barraquinha da Osório e não pedir para manusear e brincar com os impagáveis Caco e Elmo, da Vila Sésamo, ou com os personagens mais conhecidos da criançada atualmente, como o Homem Aranha e o Batman. “É uma forma criativa de os pais brincarem com os filhos”, afirma Vilma, que confecciona os fantoches em seu ateliê no Boqueirão.

Os divertidos ursos articulados expostos por Mônica Mota também conquistam pais e crianças que passam pela feira da Osório. “Todos os bichos são confeccionados com material antialérgico, assim como as almofadas para caminhas e berços”, conta a artesã, que cria as peças no Boa Vista. Ela também comercializa curiosos banquinhos em formato de elefante, leão e ovelhas. “Ficam lindos também na decoração dos quartos das crianças”, afirma Mônica.

Na barraquinha próxima, as colegas Vilma Rodrigues Pessoa e Alexandra Ripinskas expõem criações em vestuário infantil e decoração para casa. “Eu me especializei em vestidos e jardineiras para crianças de 0 a 3 anos em tricoline 100% algodão”, conta Vilma, que produz as roupinhas coloridas e com estampas lúdicas (poá, xadrez, bichos e flores) em sua casa, em Almirante Tamandaré. No espaço de Alexandra, as caixas para coleções, placas de boas vindas, porta-rolha, imãs de coleção e porta-chaves – tudo com um ar vintage – estão na feira com um toque de primavera, graças às aplicações de flores e laços em vários itens.

Também em clima da estação das flores, as fontes de água para ambientes internos e externosde Moacir Fernandes são muito procuradas, na Osório, por praticantes de feng shui (técnica oriental de harmonização de ambientes) e por quem busca criar um clima de paz em casa. “Além de embelezarem o espaço, as fontes são ótimos umidificadores e trazem energia positiva”, conta o artesão, que cria as belas estruturas, com plantas aquáticas, orquídeas, troncos e mini quedas de água em sua residência, no Santa Cândida.

Comidinhas

As Feiras Especiais da Primavera e Criança da Prefeitura reúnem 69 bancas – 59 na Praça Osório e dez na Santos Andrade. Nos locais, também não poderiam faltar bancas repletas de comidinhas e bebidas de diversas regiões do Brasil e do mundo, como acarajé, bolinho de bacalhau, pierogi, empanadas chilenas e polpeta.

Na banca de comida baiana de Danila Vargas, na Osório, é possível saborear vatapá, moqueca de peixe, bolinho de camarão e, o carro-chefe, o acarajé. “Temos a opção tradicional do bolinho fechado com todos os recheios e a aberta, servida no prato e muito procurada na hora do almoço”, conta a comerciante, que prepara tudo a hora.

Na tradicional barraquinha do Pierogi do Miro, na Osório, Rosilda Snakevicz oferece várias porções diferentes da iguaria polonesa. “O freguês escolhe o número de porções, o recheio e o molho. Tudo é preparado na hora e, no almoço, criamos até uma combinação especial com charuto, frango frito e batata”, conta a gerente, que também é responsável pela produção dos tradicionais pastéis cozidos para as seis feiras gastronômicas da Prefeitura atendidas de quarta a domingo.

Barraquinhas de artesanato culinário, com pães, geleias, mel, chocolate, bolachas e biscoitos, e de oficinas de artesãos e de programas da Prefeitura também estão nos dois locais.


Serviço: Feiras Especiais da Primavera e Criança de Curitiba

Data: até 11 de outubro

Locais: Praças Osório e Santos Andrade

Horários: Na Osório, as barracas funcionam de segunda a sábado, das 10h às 21h, e domingo, das 14h às 19h30. Na Santos Andrade, há feira de segunda a sábado, das 10h às 20h, e no domingo, das 14h às 18h.