Terminal do Guadalupe tem iluminação reforçada

Terminal do Guadalupe tem iluminação reforçada

O terminal de ônibus Guadalupe, na região central de Curitiba, está tendo o sistema de iluminação pública melhorado, o que deve aumentar a percepção de segurança para os usuários do sistema de transporte coletivo e para a população que passa diariamente pelo local.

As intervenções iniciaram com a substituição de luminárias e lâmpadas de vapor de sódio por vapor metálico (cor branca) no entorno do terminal e, em breve, a iluminação pública vai melhorar ainda mais com as intervenções na Rua João Negrão – que integram o pacote de revitalização da iluminação no Bairro Rebouças – e também estão em andamento.

As medidas de revitalização no Rebouças (projeto lançado no final de 2015) abrangem as ruas Conselheiro Laurindo, Rockfeller (entre Silva Jardim e Getúlio Vargas), João Viana Seiler (entre Conselheiro Laurindo e Marechal Floriano) e Avenida Iguaçu (entre João Negrão e Marechal Floriano) e tem previsão de término ainda no primeiro semestre deste ano.

As melhorias de iluminação no terminal de transporte vão auxiliar a Guarda Municipal no monitoramento e na prevenção de delitos comuns na região, como tráfico de drogas, roubos e furtos. “É fundamental essa mudança na iluminação que é mais uma ação preventiva no sentido de aumentar a segurança para quem utiliza o terminal de ônibus, ajudando inclusive no trabalho das forças de segurança para diminuir a criminalidade em Curitiba”, comenta o secretário municipal da Defesa Social, Renê Roberto Witek. “Também demonstra o compromisso e a preocupação da gestão municipal com uma Curitiba mais segura”, complementou.

Outras intervenções

Dando continuidade ao Plano de Iluminação Pública de Curitiba, foram realizadas recentemente intervenções no estacionamento do Parque da Barreirinha e na Praça Walter Moacir Ferri, bairro São João.

No estacionamento do Parque da Barreirinha foram instalados três postes de concreto com lâmpadas de 100 watts de potência, oito postes ornamentais com lâmpadas de alto rendimento de 150 watts e outros dois postes para dar suporte à feira de alimentos que acontece no local e pertence ao programa Nossa Feira, desenvolvido pela Secretaria Municipal de Abastecimento, no qual todos os produtos (frutas e verduras) são comercializados por R$ 1,99.

Na praça Walter Moacir Ferri houve a substituição de um superposte com lâmpadas de alto rendimento e a implantação de dois postes de iluminação em concreto no lugar de postes de ferro. Além disso foram trocadas 12 lâmpadas de vapor de sódio instaladas nos projetores da cancha de areia por lâmpadas de vapor metálica de 400 watts.

Em breve terão início as intervenções nos parques Tingui e Lago Azul.

O Plano de Iluminação Pública de Curitiba foi lançado pelo prefeito Gustavo Fruet no primeiro semestre de 2015 e prevê intervenções que se estenderão até o final deste ano. Engloba diversas intervenções em toda a cidade e está com 35% executado. Destaque para os projetos voltados ao transporte coletivo (revitalização de IP em Linhas de ônibus Alimentadores e Ônibus Seguro) intervenções nos Parque São Lourenço (implantação de sistema inteligente de iluminação), Barigui e Tanguá, nas praças da Vila Nossa Senhora da Luz (Cidade Industrial), em frente à Rodoferroviária, no estacionamento do Terminal de ônibus do Boqueirão, no entorno do quartel do Boqueirão, na Avenida Affonso Camargo e outras avenidas centrais, no entorno do Cemitério do Água Verde, no corredor aeroporto-rodoviária ao longo da Avenida das Torres, e nos viadutos da Affonso Camargo e Marechal Floriano.