O Londrina partiu para cima no início do primeiro tempo. E encontrou o Athletico numa tarde em que nada dava certo. Aos 9′, o adversário abriu o placar em um chute cruzado de Luiz Henrique. E aos 19′, Adenílson aproveitou uma falha da defesa para ampliar para 2 a 0.

A primeira chance rubro-negra aconteceu aos 26′, em uma cabeçada de Luan Patrick. E o Londrina ainda teve mais uma chance para ampliar, em um chute na trave de Safira.

O Athletico voltou mais ligado para a etapa final e logo a 1′ Kleiton exigiu uma boa defesa do goleiro Dalton em chute cruzado. Vinícius Mingotti, Denner e Elias Carioca também estavam pararam no goleiro londrinense.

E Dalton ia fazendo mais uma grande defesa aos 41′, em uma cabeçada à queima-roupa de Mingotti. Mas, desta vez, o rebote caiu nos pés de Jajá, que conseguiu mandar para a rede.

O Furacão ainda buscou o empate até o último minuto, mas o apito final veio mesmo com o placar de 2 a 1 para o Londrina.