14.8 C
Curitiba
segunda-feira, 20 maio 2024

Com novo recuo, taxa básica de juros chega a 7,5% ao ano

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) voltou a reduzir a taxa básica de juros (Selic), nesta quarta-feira (25). Com a decisão, o indicador recuou 0,75% e ficou em 7,5% ao ano. Esse foi o menor patamar apresentado desde 2013. O Banco Central vem reduzindo a Selic desde outubro do ano passado e essa é a nona queda consecutiva.

Entre os principais bancos que já anunciaram o recuo dos juros estão o Bradesco, que já informou que vai repassar a diminuição da taxa nas principais linhas de crédito de pessoa física e jurídica; o Banco do Brasil, que repassou a informação de que está em linha com o Copom e o Itaú, que anunciou o repasse integral do corte e que as novas taxas passam a valer a partir do dia 1 de novembro.

Durante algum tempo a taxa Selic permaneceu em 14,25% ao ano. Apesar de essa redução não se igualar as quatro últimas, que foram de 1 ponto percentual, o indicador está caminhando para o esperado pelo mercado. A expectativa é de que até o fim do ano a taxa chegue a 7% ao ano.

A Selic é a taxa básica de juros que serve de referência para algumas operações, como financiamentos, por exemplo, além de servir como base para remunerar investimentos corrigidos por ela.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 118 | MAIO/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS