O Coritiba empatou com o Sport, na noite desta quinta-feira (01), na Arena Pernambuco, chegando a cinco partidas sem perder. O resultado de 1×1 garante a permanência da equipe no G4 até o término da 14ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Entraram em campo com a camisa coxa-branca os seguintes jogadores: Alex Muralha, Diogo Mateus, Walisson Maia (Rafael Lima), Sabino, William Matheus, Matheus Sales, Luiz Henrique, Thiago Lopes, (Vitor Carvalho), Juan Alano, Robson (Welissol) e Igor Jesus.

O próximo jogo do Coritiba é dia 10, no Couto Pereira, contra o Figueirense, às 16h30. Para esta partida, a torcida coxa-branca poderá contar com uma promoção especial de Dia dos Pais lançada pelo clube hoje. O valor de R$10 dá direito a dois ingressos para os setores Arquibancada e Mauá. E os sócios terão direito a levar gratuitamente dois acompanhantes. Saiba mais aqui.

Coxa abre o placar com Robson

Aos 6’ de bola rolando, o Coxa chegou com perigo quando Diogo Mateus cruzou para Igor Jesus. Mas o zagueiro adversário tirou a bola de seus pés. Em seguida, Sabino deu uma cabeçada, dando trabalho para o goleiro do Sport.

Juan Alano chegou pela direita, aos 10’, encontrando Diogo Mateus que, mais uma vez, deu o

passe perfeito, e Robson apareceu nas costas do zagueiro, marcando o primeiro do Coritiba na partida e segundo dele com a camisa coxa-branca. Foi o 19º gol do Coxa na competição, igualando o melhor ataque do campeonato ao lado do Bragantino.

O Norberto do Sport assustou quando chegou com perigo e balançou as redes, mas para alívio da nação coxa-branca, a bola bateu por fora.

Aos 29’, Muralha fez importante defesa quando, depois de cobrança de falta, o Sport arriscou, e o goleiro coxa-branca pegou com as mãos.

Na cobrança de escanteio de Juan Alano, o atacante Igor Jesus cabeceou, mas a bola passou por cima do gol.

Outra chance significativa do Coxa foi essa: Thiago Lopes acabou trombando com o zagueiro, aí, Juan Alano tentou aproveitar a sobra, mas bateu muito forte, e a bola também acabou passando por cima.

Sport empata

O Sport chegou por primeiro, na segunda etapa. No cruzamento da esquerda, Robson dividiu com Norberto e afastou pela linha de fundo. Os adversários insistiam na busca pelo empate. O Muralha salvou o Coxa quando, em cruzamento da direita de Norberto, subiu mais mais que todo mundo, fazendo boa defesa.

Porém aos 14’, não teve jeito. O Sport acabou deixando tudo igual no placar com Hernane.

O Coxa procurava aproveitar os contra ataques como quando, por exemplo, William Matheus chegou pela esquerda e cruzou na área. A zaga tirou e, no rebote, Robson arriscou, mas sem sucesso. Logo depois, o time da casa exigiu mais uma defesa de Muralha quando Juninho cabeceou para o gol.

Resultado final: 1×1.