Um novo esquema e um novo modelo de jogo foram colocados em campo no Estádio Olímpico Regional. Apesar das 18 finalizações, sendo seis no gol, o time de Aspirantes voltou de Cascavel com uma derrota.

Com três zagueiros e a primeira chance de Luan Patrick entre os profissionais, o Rubro-Negro criou várias oportunidades, principalmente no primeiro tempo. Mas as principais chances criadas pararam no goleiro Raul. 

Com algumas mudanças no segundo tempo, o técnico Eduardo Barros tentou aumentar a velocidade e colocar a equipe mais à frente. Kleiton e Pedrinho buscaram o gol com a perna esquerda, mas em vão.

E a bola que não entrou de um lado, castigou o Furacão aos 44’ do segundo tempo. Depois de várias defesas, Anderson não conseguiu evitar o chute de Magno, que decretou a vitória do time cascavelense.

Com 10 pontos, o próximo compromisso athleticano será no próximo sábado (15), contra o Toledo, às 17h, no Estádio Joaquim Américo.