25.1 C
Curitiba
domingo, 21 abril 2024

Empate em duas etapas

Começou na noite de sábado (21) e só terminou na tarde de domingo (22), com um importante ponto conquistado pelo Furacão! O jogo contra o líder do Brasileirão foi marcado pela falta de iluminação no Estádio Nilton Santos e um tempo quase inteiro disputado só no dia seguinte. No placar, Botafogo 1×1 Athletico.

Os dois gols foram marcados ainda no sábado. Tiquinho Soares colocou o time carioca na frente. Pablo, aproveitando um cruzamento de Cuello, empatou para o Rubro-Negro.

Com o resultado, o Athletico chegou a 45 pontos conquistados e segue bem posicionado na luta por uma vaga na CONMEBOL Libertadores 2023. O próximo desafio está marcado para quarta-feira (25), contra o América Mineiro, na Ligga Arena.

Desde o inicio, a partida foi marcada pelos problemas de energia no Engenhão. Mas após duas paralisações nos primeiros minutos, o jogo prosseguiu e o Furacão conseguiu criar uma boa oportunidade, quando Esquivel recebeu cruzamento e cabeceou para o meio da área, mas a zaga do Botafogo afastou.

Aos 23′, o time da casa saiu na frente. Marçal bateu escanteio, Tiquinho Soares deslocou Thiago Heleno com um empurrão e tocou de cabeça para a rede. Sem VAR devido aos problemas elétricos, o gol foi confirmado.

O Athletico não se abalou com a abertura do placar, nem com a pressão da torcida. Foi em busca do empate e quase chegou lá em um lance em que Cuello aproveitou um rebote da zaga e tentou de cabeça de fora da área. A bola passou muito perto da trave.

E aos 40′, saiu o gol rubro-negro. Cuello recebeu pela direita, avançou rumo à linha de fundo e cruzou rasteiro na área. A zaga não conseguiu cortar e Pablo apareceu livre na pequena área. Tudo igual! 

Depois disso, praticamente não teve mais jogo na noite de sábado. Ainda no primeiro tempo, foram mais três quedas de energia. O árbitro decidiu encerrar o primeiro tempo e o intervalo durou 20 minutos. E quando a partida foi retomada, apenas cinco minutos transcorreram até uma nova paralisação.

Depois de uma hora de espera, a decisão foi pela suspensão da partida e a retomada apenas às 15h deste domingo, sem público.

O complemento da partida aconteceu com muito menos intensidade. Mas quem teve as melhores chances foi o Furacão.

Em escanteio batido por Vitor Bueno, Thiago Heleno cabeceou com perigo. Pablo também aproveitou cruzamento do camisa 8 e tocou para fora.

Na melhor oportunidade do Botafogo, Bento fez uma difícil defesa, em um chute de Tiquinho Soares que desviou antes do goleiro rubro-negro espalmar.

O Athletico ainda teve mais duas boas chances. Quando Lucas Perri saiu do gol para cortar um cruzamento de Pablo para Vitor Bueno, Zapelli pegou a sobra e quase conseguiu encobrir o goleiro alvinegro. E já aos 46′, Rômulo ficou cara a cara com Perri, que conseguiu a defesa, em um lance em que a arbitragem anotou impedimento.

Clube Athletico Paranaense
Clube Athletico Paranaensehttps://athletico.com.br/
Clube Athletico Paranaense é um clube de futebol brasileiro, da cidade de Curitiba. Foi fundado em 26 de março de 1924, a partir da fusão do International Foot-Ball Club e do América Futebol Clube. Suas cores tradicionais são o preto e o vermelho, que lhe rendem a alcunha de rubro-negro.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 116 | MARÇO/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS