Na segunda rodada do Campeonato Paranaense, o Coritiba enfrentou o Rio Branco, no estádio Couto Pereira, na noite desta quinta-feira (23). O resultado foi o empate com um gol para cada lado.

O Coritiba saiu atrás no placar e depois foi para cima buscando o empate que veio com gol de Rodolfo Filemon, o primeiro dele com a camisa coxa-branca. Agora, o Verdão enfrenta o Paraná Clube, no próximo domingo, na Vila Capanema, a partir das 18h

O jogo

Para promover um rodízio na equipe e testar opções na equipe coxa-branca ainda dentro da programação da pré-temporada, o treinador Eduardo Barroca escalou o Coritiba com sete alterações no time que começou jogando. Wilson, Lucas Ramon, Rodolfo Filemon, Sabino, Caetano, Matheus Sales, Matheus Galdezani, Thiago Lopes, Guilherme Parede, Wellissol e Robson iniciaram jogando.

Quando a bola rolou no Couto Pereira, quem saiu na frente foi a equipe visitante. O Rio Branco abriu o placar aos oito minutos com Felipe Nunes. Após isso, o Verdão foi para cima e tentou o empate. Criou chance com Matheus Galdezani, depois com um cabeceio de Robson, e por último com Guilherme Parede. Mas a bola insistiu em não entrar na primeira etapa do jogo.

Para o segundo tempo, o Verdão foi a campo com duas alterações. As entradas de Gabriel e Rafinha (que completou seu jogo 200 com a camisa coxa-branca) nos lugares de Thiago Lopes e Lucas Ramon.

O Verdão foi para cima, pressionou, buscou o empate. Aos 14’, Wellissol cruzou e Robson tentou o chute, mas a bola não entrava. Barroca promoveu a última alteração no Coxa, com a entrada de Igor Jesus no lugar de Matheus Galdezani. Até que aos 24’, o empate saiu.

Guilherme Parede cobrou a falta na medida e Rodolfo Filemon subiu mais que todo mundo e mandou para as redes para comemoração da torcida coxa-branca. O Verdão ainda tentou a virada, mas sem sucesso. E o resultado foi mesmo o empate.