Quem doar sangue nesta sexta-feira (14), Dia Internacional do Doador de Sangue, terá uma surpresa agradável: o Hemepar (Centro de Hematologia e Hemoterapia do Paraná) promove evento de música erudita com a Orquestra de Câmara de Curitiba.

A apresentação será a partir das 10h30, na sede da instituição em Curitiba, na Travessa João Prosdócimo, 145. O Dia Internacional do Doador de Sangue foi criado em 2014 pela Organização Mundial da Saúde.

“Será a nossa homenagem aos doadores paranaenses que participam diariamente desta ação voluntária, salvando milhares de vidas”, diz a diretora-geral do Hemepar, Liana Andrade Labres de Souza.

O diretor-executivo do Instituto Curitiba de Arte e Cultura (Icac), Marino Galvão Jr, diz que a atividade faz farte do calendário da orquestra desde 1990. “A intenção é democratizar o acesso à música erudita, com um repertório vivo e alegre”.

O Hemepar faz parte da rede da Secretaria de Estado da Saúde, com 22 unidades em funcionamento no Paraná. É responsável pela coleta, armazenamento, processamento, transfusão e distribuição de sangue para 375 hospitais públicos, privados e filantrópicos que atuam em todas as regiões do Estado.

DOAÇÃO ONLINE – O Hemepar ressalta, entre as ações em desenvolvimento, o projeto de agendamento online para doação de sangue. “O projeto-piloto já acontece no Hemocentro Regional de Cascavel, com o objetivo de agilizar o processo, evitando espera”, explica a diretora.

“Disponibilizamos 20 horários na agenda online, na página do Governo Digital do Paraná (governodigital.pr.gov.br). O sistema é simples e temos bons resultados”, afirma o bioquímico do Hemocentro de Cascavel, Antonio Carlos de Oliveira.

O Hemocentro de Cascavel recebe em média 1,2 mil doadores por mês e executa todo o processamento do sangue, separando os componentes – hemácias, plasma, plaquetas e crioprecipitado (fonte concentrada de proteínas plasmáticas insolúveis à baixa temperatura). O Hemocentro de Cascavel também faz o processamento do sangue coletado em Toledo.

“As duas regionais, Cascavel e Toledo, recebem doações que permitem atender até 2,6 mil transfusões por mês”, informa Antonio Carlos.

Para doar sangue é preciso ter entre 16 e 69 anos – menores de 18 anos devem estar acompanhados pelos pais –, pesar mais de 50 quilos e estar em boas condições de saúde. Mulheres podem doar sangue três vezes por ano, com intervalo de 90 dias; e homens podem fazer quatro doações, com intervalo de 60 dias.