15.9 C
Curitiba
sexta-feira, 14 junho 2024

Feiras de Páscoa começam com artesanato e o doce sabor do chocolate

As tradicionais Feiras Especiais de Páscoa da Osório e da Santos Andrade começaram nesta quarta (29/3), atraindo visitantes e incentivando os produtores de artesanato e de alimentação. A abertura das feiras faz parte das comemorações pelos 330 anos de Curitiba.

A Feira da Osório pode ser visitada de segunda a sábado, das 10h às 21h, e aos domingos, das 14h30 às 19h30, e a da Praça Santos Andrade de segunda a sábado, das 10h às 20h, e aos domingos, das 12h às 18h30. Ambas funcionam até 15 de abril.

Visitar a feira já é tradição para muitos curitibanos, como Rose Pinheiro. Ela comparece todos os anos para garantir os presentes de Páscoa de seus familiares, mas o que gosta mesmo é das flores que são comercializadas na feira da Osório.

Quem vêm de fora também aproveita. Gisele Parente é paulistana, e está em Curitiba para conhecer e “turistar”. Ela se surpreendeu com a atração. “Gostei da feira, é bastante organizada, eu já comprei lembranças para meus pais, um chaveiro de Curitiba, e agora quero conhecer os chocolates”, disse ela escolhendo as opções de doce.

Incentivo ao artesanato

São 61 feirantes apresentando e vendendo seus produtos na Praça Osório, além das 26 opções gastronômicas. Na Santos Andrade, há três barracas de exposição e três de gastronomia. 

Entre as artesãs que participam está Rubia Rios, que produz bonecas e bichinhos e fez peças especiais para a Feira de Páscoa da Osório, com temática de coelho. Rubia relata que a feira é especial pela troca de experiências com colegas e principalmente com clientes,

“Este ano eu vejo muito interesse do público, eles vêm pra comprar e também pra visitar, porque é um espaço legal pra trazer a família”, disse Rubia.

Maria de Lourdes Wizenffat é artesã e também comercializa seus produtos em casa e na internet, mas declara que a feira movimenta mais seu negócio, facilitando as vendas pela localização e pela circulação de pessoas. Ela vende uma variedade de produtos artesanais, como porta-bombons, cestas e mochilas. Maria espera zerar seu estoque de Páscoa, e comenta que também preparou peças não relacionadas à data, já que a feira vai até o dia 15 de abril.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 118 | MAIO/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS