Já era de conhecimento público que o Athletico Paranaense concedeu férias para 16 atletas após a 37ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com uma equipe totalmente modificada, o Furacão se despediu do Brasileirão com um empate sem gols contra o Avaí, em Florianópolis (SC).

O Jogo

Muitos atletas já devem ter ficado mesmo no belo litoral catarinense, para curtir as merecidas férias depois de uma temporada espetacular.

O jogo diante dos catarinenses não teve o brilho de um Athletico 2×0 Grêmio – qualquer um deles. Nem mesmo o das grandes vitórias fora de casa, como a diante do Fluminense, no Maracanã, por exemplo.

Não será esta a partida da memória dos athleticanos quando lembrarem de 2019. Aliás, há de se fazer um bom esforço para lembrar de todos os jogos memoráveis deste Furacão de 2019, de todas as noites de grandes exibições de futebol.

Neste domingo (8), o Athletico até criou chances para tirar o zero do placar. Lucas, goleiro do Avaí, fez boas defesas. Nas demais oportunidades, nossos atacantes não tiveram a pontaria de outrora.

Também pudera. Foram seis competições disputadas durante o ano e três títulos conquistados. Os atletas demonstraram o cansaço. Nas pernas, de tanto fazer os adversários correrem atrás da bola. E nos braços, de tanto levantar taças.

Este foi o Furacão de 2019! Um time que entrou para a história, que rompeu barreiras e que mostrou ao mundo a nossa ambição, entusiasmo, rebeldia e inovação. Um time que entrará em 2020 pronto para disputar mais um título nacional, defendendo uma invencibilidade de 13 jogos.