Quando a pandemia acabar, os estudantes da Escola Municipal Nansyr Cecato Cavichiola, no bairro Parolin, terão um motivo a mais para voltar às aulas presenciais. É que o personagem Cecatinho, um mascote animado criado para motivar as crianças a fazer as atividades do ensino remoto, vai ganhar uma versão em nylon, estilo boneco de posto, para que todos possam vê-lo.

A novidade foi revelada nesta terça-feira (8/6), pela diretora Márcia Alexandra Ribeiro Quadri, durante a entrega dos kits de alimentação e pedagógicos para escolas municipais das regionais Portão e Bairro Novo. Nesta leva foram disponibilizados 22.465 kits: 8.285 para as escolas da Regional Portão e 14.180 para a Regional Bairro Novo.

Os kits de alimentação são mensais e os pedagógicos são fornecidos a cada 15 dias, sempre na unidade onde a criança está matriculada. Veja o calendário de entregas por regional no final do texto.

Cada kit pesa em média 13 quilos e inclui arroz, feijão, sal, óleo, farinha de trigo, fubá, leite, frutas e legumes – que variam conforme a estação.

Criar vínculos

De acordo com a diretora Márcia Alexandra, o “Cecatinho”, que usa o nome do meio da professora que batiza a escola, nasceu da necessidade de criar vínculos com as crianças, que estão há dois anos afastadas da escola por força da pandemia do coronavírus.

“Havia esta grande necessidade de chamar a atenção das crianças. Daí surgiu a ideia de criar o mascote”, explicou a professora Joyce Oliveira.

Foi um trabalho de equipe. Após fazer o esboço, Joyce pediu ajuda a seu colega, o professor Maicon James de Lima, que usou aplicativos de computador para dar vida ao Cecatinho.

Xodó das crianças

“Tivemos um ótimo retorno. Nós usamos o Cecatinho nos grupos de WhatsApp da escola para lançar atividades e as crianças gostaram muito”, comemorou a diretora Márcia Alexandra.

O sucesso foi tão grande que o Cecatinho já ganhou companhia. É ninguém menos do que a professora Nansyr Cecato Cavichiola, que dá nome à escola e dedicou toda a vida à educação.

“Nós pedimos fotos para a família para criar o avatar da professora Nansyr. Ela que já contribuiu tanto para educação, vai continuar inspirando as nossas crianças”, disse a diretora.

A EM Nansyr Cecato Cavichiola vai continuar investindo nos bonecos para motivar as crianças. Já foi criado um avatar da diretora Márcia e será criado mais um boneco animado, dessa vez para representar os alunos.

Saudades da escola

Enquanto durar a pandemia, as estudantes vão ter que se contentar em ver o mascote e os professores virtualmente. Débora Rezende da Guia diz que o sobrinho Brian, matriculado na EM Nansyr Cecato Cavichiola, está com saudades dos colegas e professores.

“Ele ficou todo animado quando disse que vinha aqui hoje para buscar os kits. Ele quer correr na escola”, disse a tia.
Brian é autista e a escola prepara atividades especiais para ele fazer em casa. “A escola está sendo muito boa para ele. Teve uma mudança muito positiva”, pontuou a tia.

Vanessa Félix, mãe do garoto Kaio Henrique, espera que as aulas presenciais voltem logo porque ele não consegue acompanhar direito as atividades da TV Escola.

“Tem as crianças da minha irmã que também precisam assistir às aulas e não dá para todo mundo. Ele faz as atividades que são entregues por escrito”, explicou Vanessa, que mora no Parolin.

Protocolo à risca

Para garantir a segurança de todos, a escola usou tapetes sanitizantes e totens com álcool em gel. Os pais e responsáveis eram atendidos um por vez, em três etapas, para evitar aglomeração. Os professores estavam usando luvas, aventais descartáveis, máscaras e escudos de face.

O fornecimento do kit busca suprir as necessidades nutricionais das crianças e dos estudantes enquanto durar o ensino remoto, instituído em 2020 devido à pandemia da covid-19.

Têm direito à alimentação todas as famílias com filhos matriculados na rede municipal de ensino – escolas, Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs) e Centros de Educação Infantil (CEIs) contratados.

O ensino segue no formato remoto, pela TV Escola Curitiba. As aulas presenciais seguem suspensas na rede municipal por tempo indeterminado.

Fornecimento da semana por regional

Segunda-feira (dia 7): Santa Felicidade e Boa Vista
Terça-feira (8): Bairro Novo e Portão
Quarta (9): CIC e Matriz
Quinta (10): Tatuquara e Pinheirinho
Sexta (11): Boqueirão e Cajuru