O Paraná Clube voltou a tropeçar na Série B do Campeonato Brasileiro. Jogando em Sorocaba, o Tricolor perdeu – de virada – para o São Bento (2×1) e ampliou para cinco jogos o seu jejum na competição. Desta vez, o time até balançou a rede, mas errou demais na reta final do jogo e foi castigado com um gol de Minho, já nos acréscimos.

Com o retorno de jogadores importantes, o Paraná esperava explorar o desespero do adversário, que estava na vice-lanterna. O jogo, no primeiro tempo, foi truncado e com pouquíssimas chances de gol. Logo aos 17 minutos, o técnico Matheus Costa foi obrigado a trocar Luan (lesionado) por Jhony Douglas. A estratégia, porém, não se alterou.

O Paraná, mesmo sem inspiração, conseguiu abrir o placar. E com um golaço. Aos 42 minutos, num lançamento de Thiago Rodrigues, Éder Sciola ganhou no alto e, na falha do zagueiro Wesley, a bola sobrou para Fernando Neto. O camisa 10 teve tranquilidade para dominar e, com categoria, encobrir o goleiro Gabriel Félix: 1×0.

Mesmo com a vantagem, o Tricolor não conseguiu se impor no segundo tempo. Logo aos 12, numa arrancada de Bruno Rodrigues, Fernando Neto recebeu pela esquerda e tentou o toque para João Pedro, mas a zaga fez o corte. O jogo seguiu “morno”, até os 29 minutos, quando o time paulista empatou. Na sobra de um escanteio, Fabrício Oya bateu, a bola desviou em Wesley e entrou no canto direito: 1×1.

O jogo, então, ficou aberto, com os dois times se lançando à frente. Aos 42 minutos, Bruno Rodrigues tocou para Fernando Neto, que tentou encobrir o goleiro e mandou pela linha de fundo. Cinco minutos depois, veio o castigo. Zé Roberto ganhou de Rodolfo pela direita e fez um lançamento longo para Minho, que – sozinho – dominou e, na saída de Thiago Rodrigues, definiu o placar: 2×1.