Um gol (contra) aos 43 minutos do 2º tempo premiou a equipe que perseguiu a vitória do início ao fim da partida. O Paraná Clube derrotou a Ponte Preta por 2×1 na noite desta terça-feira (01), na Vila Capanema,  e voltou à liderança – ao lado do Cuiabá-MT – do Campeonato Brasileiro da Série B. Na próxima rodada, o Tricolor vai à Florianópolis, onde encara o Figueirense-SC.

O Paraná iniciou a partida em alta rotação e logo aos 3 minutos abriu o placar. Após a jogada pela direita, a bola foi rolada para Renan Bressan, que bateu de primeira, no canto esquerdo do goleiro Ivan: 1×0. Logo depois, o camisa 10 paranista deixou Higor Meritão frente a frente com o goleiro, mas Ivan salvou com o pé.

O castigo veio aos 15 minutos. No cruzamento da esquerda, Maheus Peixoto apareceu entre a zaga e, de cabeça, empatou o jogo. O Paraná ainda teve boas jogadas com Jean Victor e Higor Meritão, mas a zaga da Ponte Preta afastou o perigo. Para piorar, aos 27 minutos, o Tricolor perdeu sua principal referência de criação. Bressan, com uma lesão na coxa deu lugar a Michel.

Na etapa final, o Paraná seguiu com maior posse de bola e buscando o gol da vitória. Allan Aal colocou Andrey e Karl em campo, mas o time só chegou na bola parada. Fabrício, de falta, exigiu grande defesa de Ivan. Aos 36, foi a vez de Jhony Douglas arriscar e o goleiro foi buscar no ângulo esquerdo. Com as mudanças, a Ponte parecia satisfeita com o empate.

Mas, aos 43 minutos veio o lance decisivo. Gabriel Pires, que acabara de entrar na vaga de Guilherme Biteco, acertou o passe para Paulo Henrique. O cruzamento veio por baixo e Luizão, ao tentar impedir que a bola chegasse para Bruno Gomes, marcou contra: 2×1. O Paraná chegou, assim aos 14 pontos, mantendo um aproveitamento de 66,67% e a sua posição entre os primeiros da Série B.