O Paraná Clube não foi além de um empate sem gols com o América Mineiro. O jogo, disputado neste sábado (03), na Vila Capenema, válido pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, foi tecnicamente ruim. O time mineiro, na lanterna da competição, teve as melhores chances de gol, enquanto o Tricolor completou três rodadas sem vitórias e, agora, ocupa a 6ª colocação, com 23 pontos.

Um resultado positivo deixaria o time de Matheus Costa no G4, com a mesma pontuação do vice-líder Atlético Goianiense. Porém, em campo, o Paraná não se encontrou. Sem criatividade pelo meio-campo e poucas variações pelos flancos – talvez sentindo a ausência de Bruno Rodrigues, lesionado –, o Tricolor pouco criou e só chegou à meta adversária em raros apoios de seus laterais e em algumas jogadas individuais de Rodrigo Porto.

Do outro lado, o América perdeu chances claras de gol, com Willian Maranhão e Jonatas Belusso. Diante da passividade do time, Matheus Costa trocou Itaqui por Caio Monteiro aos 29 minutos. O panorama pouco se alterou. O Tricolor só chegou de forma mais efetiva ao ataque no segundo tempo, após a entrada de Rafael Furtado na vaga de Jenison. Logo aos 17 minutos, após jogada de Guilherme Santos pela esquerda, o centroavante bateu para o corte preciso do zagueiro Ricardo Silva.

Na melhor jogada do Paraná na partida, Rodrigo Porto cruzou da direita e Caio Monteiro mergulhou para, de cabeça, mandar a bola rente à trave esquerda. Na busca pela vitória o Tricolor se expôs e levou alguns sustos em jogadas rápidas do América, que chegou a reclamar um pênalti sobre Neto Berola, já nos acréscimos. E o jogo ficou mesmo no 0x0. Agora, o Paraná segue para dois jogos fora de casa, contra Vitória e São Bento. Equipes que, a exemplo do América-MG, ocupam a parte de baixo da tabela de classificação.