O Programa Municipal de Castração Gratuita da Prefeitura de Curitiba tem 2,5 mil vagas para castração de cães e gatos no mês de abril. As inscrições estão abertas no site da Rede de Proteção Animal.

Os atendimentos não serão suspensos em razão da importância do programa para a saúde dos animais, mas a Rede pede atenção aos cuidados que os tutores devem tomar em relação ao coronavírus (abaixo).

Serão atendidos moradores da Regional Pinheirinho – em mutirão com castramóvel na Rua da Cidadania, entre os dias 13 e 18 de abril; os demais atendimentos acontecem nas clínicas credenciadas para as regionais Boqueirão, Bairro Novo, Tatuquara, Pinheirinho, Boa Vista, Portão, Santa Felicidade e CIC.

Há, ainda, uma ação exclusiva para gatos em uma das clínicas, com atendimento previsto para moradores da Regional Matriz. No site da Rede de Proteção, em cada um dos eventos, há uma lista dos bairros.

Como participar

Os interessados devem fazer cadastro e o agendamento para atendimento diretamente no site da rede.

A plataforma permite inscrição de cães e gatos de beneficiários do programa Armazém da Família que morem nos bairros onde acontecem as cirurgias e também de animais de ONGs e protetores independentes com cadastro ativo na Rede de Proteção Animal.

Além da validação instantânea do benefício, o site libera, no ato do cadastro, as datas e horários para que os interessados possam fazer os agendamentos. Caso as vagas terminem, o sistema indisponibiliza a marcação.

Ainda não tem cadastro? Confira o passo a passo:
– para cidadão (tutor)
– para protetor independente

Coronavírus

Enquanto durarem as orientações para se evitar aglomerações para conter a disseminação do coronavírus, a Rede de Proteção solicita que:

– Os tutores vão sozinhos com seus animais ou, com no máximo, um acompanhante e apenas com a antecedência recomendada no agendamento;

– Evitem aglomerações e mantenham as medidas de higiene, como a lavagem das mãos e o uso do álcool em gel, além de usar lenços descartáveis ao tossir e espirrar;

– Se apresentarem sintomas de infecção respiratória, que peçam para outra pessoa levar o animal ou cancelem o atendimento.