15.4 C
Curitiba
sexta-feira, 24 maio 2024

Arroz, frango, feijão e café têm preços mais em conta na Semana da Economia

Semana da Economia dos Armazéns da Família coloca à disposição dos usuários, a partir desta terça-feira (17/1) até sábado (21/1), dois novos produtos a preços mais baixos. O pacote de 5 quilos de arroz parboilizado da marca Sabor Sul por R$ 13,49, e o quilo do frango inteiro da marca Pioneiro por R$ 6,30.

E continuam valendo, durante esta semana, o preço de R$ 2,99 para o pacote de 1 quilo do feijão preto Caldeirão, o Café da marca Santa Catarina R$ 9,90 e o quilo do frango natalino temperado Ave Familio por R$ 8,95 (enquanto durarem os estoques).

Café, macarrão e feijão preto mais baratos nos Armazéns da Família

Com Semana da Economia, Prefeitura fortalece ações de segurança alimentar

Que tal levar as crianças para fazer um piquenique na Fazenda Urbana de Curitiba?

População aprova

As contas do primeiro mês do ano causam impacto no orçamento das famílias e por isso a iniciativa do Armazém da Família em promover a Semana da Economia têm sido muito elogiada pelos curitibanos cadastrados no programa da Prefeitura.

Letícia Cristina de Oliveira, 24 anos, afirma que há muito tempo faz compras na unidade do Fazendinha. Ela cuida da mãe e por isso não pode trabalhar. “Recebemos o auxílio dela e fica apertado para todas as contas. Comprar no Armazém permite equilibrar as orçamento”, diz ela.

360 mil famílias

O programa Armazém da Família reúne, atualmente, 35 unidades que oferecem gêneros alimentícios e itens de higiene e limpeza 30% mais baratos que no varejo. Hoje são mais de 360 mil famílias com renda até cinco salários mínimos da capital cadastradas no programa da Prefeitura, beneficiando um milhão de curitibanos, além de 163 entidades sociais e filantrópicas que podem fazer compras nas unidades.

Na RMC são 14 municípios conveniados com 82,5 mil famílias cadastradas, beneficiando cerca de 280 mil pessoas.

Só melhora

A para a aposentada Linda Air Antônia Machado, 76 anos, a Semana da Economia só melhorou o que, na opinião dela, já era ótimo. “Compro aqui desde sempre, prefiro e gosto do Armazém. Torço para que nunca acabe porque é muito bom”, reforça.

A diretora do Departamento de Promoção e Economia Alimentar, Ivone Aparecida de Melo, lembrou que os Armazéns da Família já mantém os preços em média 30% mais baratos em comparação com os demais mercados. “A iniciativa da Prefeitura beneficia a população porque tem efeito regulador dos preços nos supermercados. Isso significa economia no bolso da população neste início do ano”, salientou Ivone.

A Semana da Economia oferta o menor preço da cidade em alguns produtos alimentares para contribuir na renda familiar de curitibanos cadastrados no programa Armazém da Família.

SAIBA COMO FAZER o cadastro online nos Armazéns da Família.

Armazém da Família

Maior programa de acesso alimentar do Brasil e um dos mais antigos da Prefeitura na área de assistência social, o Armazém da Família é coordenado pela Secretaria de Segurança Alimentar e Nutricional.

A Prefeitura conta com 35 lojas de Armazéns da Família em Curitiba. Na Região Metropolitana, são 11 municípios que possuem unidades ou convênio para que seus moradores possam comprar na capital.

Desde 1 de junho, os 35 Armazéns da Família de Curitiba atendem em novo horário: de 3ª a 6ª feira, das 9h às 18h; e no sábado, das 9h às 14h.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 118 | MAIO/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS