O Coritiba venceu o Guarani, na noite desta terça-feira (11), pelo placar de 1×0, no Estádio Brinco de Ouro, pela 8ª rodada do Campeonato Brasileiro. O gol foi marcado pelo goleiro Wilson, de pênalti, aos 46’ do segundo tempo.

Entraram em campo com a camisa coxa-branca os seguintes jogadores: Wilson, Sávio, Walisson Maia, Sabino, Fabiano, Vitor Carvalho (Thiago Lopes), Matheus Sales, Luiz Henrique, Juan Alano (Igor Paixão), Rodrigão e Lucas Tocantins (Nathan).

O próximo compromisso do Coxa contra o Criciúma, fora de casa, depois da pausa na competição para a Copa América.

Sobre o jogo

No primeiro tempo, Rodrigão chegou a balançar as redes. Porém, o quarto árbitro assinalou o equívoco do árbitro, que reiniciou a jogada que havia começado com a chamada bola ao chão. O mesmo Rodrigão chegou com perigo também aos 48’, mas a bola acabou ficando com o goleiro Giovanni.

Destaque para o goleiro Wilson que, um pouco depois, fez importante defesa na chegada de Davó.

Nos primeiros minutos da etapa complementar, Lucas Tocantins sofreu duas faltas seguidas e precisou ser substituído. O atacante Nathan foi a escolha do técnico Umberto Louzer.

Rodrigão cabeceou a bola aos 9’ e ela bateu na mão do zagueiro adversário, antes do goleiro fazer a defesa. O árbitro, porém, mandou o jogo seguir. Um pouco depois, o atacante roubou a bola e invadiu a área, mas foi desarmado no arremate final.

O técnico promoveu, então, as duas últimas substituições: Igor Paixão no lugar de Juan Alano e Thiago Lopes no lugar de Vitor Carvalho.

Foi de Igor Paixão uma chance perigosa aos 40’. Ele chegou pela esquerda, mas o goleiro espalmou e a bola foi pra escanteio.

Aí, aos 46’, Nathan foi derrubado dentro da área. Dessa vez, o juiz considerou a penalidade, que foi convertida em gol pelo goleiro Wilson: 1×0 para o Coxa, que volta para casa com três pontos na bagagem.