Créditos: Marco Oliveira/Site Oficial
A chuva em Paranaguá impediu o bom futebol, mas não mais uma vitória rubro-negra no Campeonato Estadual 2016. Mesmo com o gramado muito empoçado, o Furacão conseguiu vencer a terceira partida na competição. O Rio Branco abriu o placar, mas com dois gols de Deivid, o Rubro-Negro virou, venceu por 2 a 1 e continuou com 100% de aproveitamento.
O jogo
Atlético e Rio Branco tiveram um adversário a mais na partida em Paranaguá. Com muita chuva e o gramado do Gigante Itiberê encharcado, o jogo foi bastante truncado. O campo pesado fez com que as duas equipes explorassem muito o jogo aéreo.
Na primeira oportunidade, aos cinco minutos, Vinícius cobrou falta e André Lima assustou de cabeça. Sete minutos depois, o Rio Branco abriu o placar. Douglas aproveitou cobrança de falta de Ratinho e, também de cabeça, marcou para os donos da casa.
As principais jogadas continuaram sendo por cima. Aos 29 minutos, Paulo André subiu bem de cabeça, mas bola passou muito perto do gol de Edvaldo. Dez minutos depois, o Furacão empatou a partida. Roberto cobrou falta na área. A bola caiu no pé de André Lima, que tocou atrás para Deivid. O volante bateu colocado, com muita categoria, sem chances para o goleiro.
A chuva não deu trégua e o segundo tempo continuou com muita poça. Mas o Rubro-Negro conseguiu marcar logo no início. Aos quatro minutos, o goleiro do Rio Branco afastou de soco. O iluminado Deivid pegou o rebote de perna esquerda, de primeira. O chute saiu rasteio e foi morrer no fundo da rede adversária.
O Atlético continuou melhor e chegou novamente aos 24 minutos, em cobrança de falta de Roberto. Aos 38 minutos, Sidcley recebeu na pequena área e bateu cruzado. A zaga conseguiu evitar o terceiro gol atleticano.
O Furacão volta a campo já neste sábado (13), novamente pelo Campeonato Paranaense. No Ecoestádio, como mandante, o Atlético recebe o J. Malucelli, às 17h [Clique aqui e saiba mais detalhes sobre as habilitações para a partida].