15.9 C
Curitiba
sexta-feira, 14 junho 2024

Governo lança treinamento gratuito em tecnologia que alcançará três mil pessoas

O Governo do Estado, em parceria com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), lançou nesta semana um programa de capacitação e emprego em Tecnologia da Informação (TI). Denominada TrendsIT Capacitação & Residência, a iniciativa tem como objetivo o aperfeiçoamento de conhecimentos técnicos e comportamentais de pessoas com idade a partir de 17 anos, por meio de conteúdos gratuitos e online. A expectativa é qualificar, inicialmente, três mil paranaenses para oportunidades em empresas de tecnologia. Inscrições AQUI.

O lançamento foi na Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti), com participação de representantes do Governo do Estado, da Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex) e empresários.

Além dos cursos o programa também selecionará, entre os participantes do treinamento, residentes técnicos para atuar por seis meses em empresas parceiras, com a oferta inicial de 80 bolsas-auxílio no valor de R$ 1.100 mensais, com possibilidade de ampliação para até 160 bolsistas. As bolsas serão custeadas pelas empresas.

O público contempla jovens do ensino médio, estudantes de escolas técnicas e universitários, além de cidadãos interessados em ingressar ou migrar para a área de tecnologia. A seleção para as residências irá levar em conta habilidades interpessoais (soft skills) e técnicas (hard skills).

O TrendsIT Capacitação & Residência faz parte da parceria firmada, em 2022, entre a Secretaria de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná (Seti) e a Softex. A entidade é parceira do MCTI no programa TrendsIT. A cooperação firmada no ano passado consiste em um programa chamado TechDev, operacionalizado pela Softex – Núcleo Campinas (NSC), para a capacitação de estudantes de graduação e pós-graduação das universidades estaduais, de diferentes áreas do conhecimento, na área da Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).

O secretário estadual da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Nelson Bona, destacou a importância dessa ação para desenvolver profissionais para o mercado de tecnologia. “Esse programa é mais uma iniciativa importante de qualificação profissional para a área de tecnologia da informação. O intuito é apoiar o setor produtivo empresarial para superar essa lacuna de mão de obra”, afirmou, sinalizando que essa iniciativa atende a um compromisso do governador Carlos Massa Ratinho Junior.

Para o secretário de Transformação Digital do MCTI, em exercício, Henrique Miguel, o pioneirismo paranaense reflete nessa iniciativa de formação de pessoal para a área de tecnologia. “O Paraná tem destaque nessa oferta de oportunidades, que propõe uma jornada bem estruturada para atender os profissionais de tecnologia e as empresas que demandam essa mão de obra qualificada”, salientou.

PLATAFORMA – Os participantes terão acesso aos conteúdos numa plataforma de ensino a distância, em duas modalidades: desenvolvedores web full-stack (perfil mais amplo que envolve todos os aspectos de programação) e desenvolvedores mobile (programação de aplicativos e sistemas para dispositivos móveis). Todos serão certificados ao final do programa.

Os cursos de capacitação técnica (hard skills) irão preparar os desenvolvedores em cinco etapas: nivelamento teórico; nivelamento prático; aprofundamento em desenvolvimento full-stack ou mobile; competências comportamentais; e residência em uma empresa parceira. Já a capacitação de habilidades comportamentais (soft kills) envolve temas como comunicação eficaz, criatividade, inteligência emocional, liderança, pensamento crítico, resolução de conflitos e trabalho em equipe.

Na etapa de vivência profissional (residência), os selecionados serão integrados a projetos reais das empresas parceiras, com acompanhamento e orientação de profissionais do mercado. A jornada será de 30 horas semanais, durante seis meses. Independente da residência, os currículos de todos os participantes do programa serão disponibilizados para as empresas parceiras, com possibilidade de contratação.

Serviço:

Curso gratuito e online em tecnologia da informação – para 3 mil pessoas

Residências em empresas – 80 oportunidades

Inscrições: online – AQUI

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 118 | MAIO/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS