Instalada no Parque Olímpico do Cajuru, a Pista Municipal de BMX mudou a rotina de um dos principais centros esportivos de Curitiba. O espaço de bicicross, que completa um ano nesta sexta-feira (22/7), segue os padrões internacionais da UCI (Union Cycliste Internationale), tem um alto grau de dificuldade e já vê despontar talentos da modalidade.

Miguel Silveira, 15 anos, morador do Cajuru, conheceu o esporte no dia da inauguração do equipamento e de lá para cá aprendeu muito sobre a modalidade e conquistou títulos importantes. Foi campeão paranaense na categoria Boys 15 e ficou em segundo lugar na 1ª etapa realizada em Londrina.

Incentivado pelo Programa Municipal de Incentivo ao Esporte, o piá da Vila Oficinas sabe muito bem onde quer estar em 2024.

“No dia em que conheci o esporte, me apaixonei e não abandonei mais. Hoje treino três vezes por semana aqui na pista com um único objetivo: chegar nas Olimpíadas de Paris em 2024”, disse o jovem atleta.

Pablo Bonfim, de 14 anos, também conheceu o BMX na pista do Parque Olímpico do Cajuru. Quando chegou, conhecia pouco sobre as bikes, mas hoje já começa a arriscar manobras mais radicais e pretende começar a competir logo.

“Eu adoro estar aqui. O BMX é muito legal e logo pretendo começar a me arriscar nas competições”, afirmou Pablo, que também mora no Cajuru.

A pista e os professores

São duas rampas para largadas das categorias Challenger (5 metros de altura) e Championship (8 metros de altura) e 390 metros de obstáculos para as competições. A pista recebeu dois grandes eventos, o Campeonato Paranaense de BMX Racing e a Copa Curitiba de BMX Racing, além dos vários festivais internos realizados bimestralmente para todos os alunos matriculados, como forma de iniciação ao mundo competitivo, não deixando de lado a informalidade e a proximidade dos pais.

Para a segurança dos praticantes, as atividades na pista têm acompanhamento e supervisão de profissionais de Educação Física da Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude (Smelj).

O professor Juliano Passoni ministra aulas para as turmas da escolinha com André Soares e Jairo Rosa e prevê que os melhores atletas do país vão sair da pista de Curitiba futuramente.

“Curitiba ainda vai revelar muitos talentos, pois o nível da pista, a estrutura oferecida, a comunidade já engajada nas atividades e a localização privilegiada tornam a cidade candidata a se tornar um dos maiores polos de desenvolvimento do BMX racing do Brasil”, garantiu Passoni.

 

Aulas                                                                                                                                   

A Smelj oferece aulas gratuitas para crianças e jovens de 5 a 17 anos nas segundas, terças, quintas e sextas feiras e também em fins de semana. Nas quartas, as atividades são destinadas aos alunos de escolas públicas, dentro do projeto Escola+Esporte=10 (EE10).

Caso a busca por vagas seja para crianças e jovens de 5 a 17 anos, é necessário fazer o cadastro e o login com os dados do interessado no Portal Curitiba em Movimento, além das informações sobre responsável legal, para que o sistema filtre as turmas e os horários disponíveis para esta faixa etária. 

O sistema também disponibiliza as turmas com base no cadastro e login feito pelo cidadão. Para isso, no caso dos adultos, ao acessar e informar o CPF o sistema exibirá somente as turmas disponíveis para pessoas acima dos 17 anos de idade. 

Em dias e horários onde as condições climáticas possam trazer riscos aos participantes, a coordenação da Pista Municipal de BMX poderá suspender as aulas e vivências da modalidade.

Referência esportiva

O complexo esportivo Parque Olímpico do Cajuru conta, ainda, com campos de futebol de areia, de rua e americano, quadra de futebol de salão, academia ao ar livre, área de treinamento de atletismo, um estádio municipal de beisebol e softbol, pista de caminhada, e canchas de voleibol. 

Desde 2017, o parque vem recebendo benfeitorias feitas pela Prefeitura, que transformou o local em um centro de formação esportiva especializada, além de espaço de lazer e atividade física para a população. 

Em 2018, o complexo passou a contar com o Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) Nelson Comel, que colocou no parque uma quadra poliesportiva coberta e pista de atletismo. 

O endereço do Parque Olímpico do Cajuru é Rua Rivadávia Fonseca de Macedo, 510, Cajuru.