O Museu da Imagem e do Som do Paraná (MIS-PR) completou 50 anos em 2019 e para celebrar o cinquentenário da instituição, segunda mais antiga do gênero no país, foi elaborada uma intensa e diversa programação em novembro e dezembro que une fotografia, cinema, música e arte.

As atividades vão de um curso que ensina a revelar filmes fotográficos de forma artesanal com café, até uma mostra de videoclipes paranaenses de rap. Acompanhe a programação detalhada do cinquentenário do MIS-PR pelas redes sociais: Facebook: misparana; e Instagram: mis_pr.

“Na base de todos esses eventos – palestras, cursos, oficinas e mostras – está nosso objetivo de trazer as pessoas ao MIS, fazê-las circular pelo espaço e explorá-lo, pois só em contato com a comunidade e com as manifestações do presente é que o museu se mantém vivo, em um processo de continuidade e transformação de sua própria história”, diz a diretora Cristiane Senn.

A coordenadora de programação do museu, Ana Paula Málaga, explica que a variedade das atividades é uma forma de atender a públicos de diversas idades e interesses. “A ideia é que o museu seja visto e sentido como um lugar acessível, aberto, onde é possível obter conhecimento e trocar experiências com pessoas interessadas e profissionais das áreas de cinema, fotografia, música, museologia, preservação, conservação, entre outras”.

ATIVIDADES EM NOVEMBRO – Cursos e oficinas.
Nos dias 4, 5 e 6, o museu promove o curso “Revelação de filmes fotográficos com cafenol”, uma introdução aos princípios da revelação de negativos fotográficos, preto e branco, com o cafenol – um revelador à base de café e que pode ser feito com produtos de uso cotidiano de baixa toxicidade e de fácil descarte.

Samuel Rodrigues e Tárcilo Pereira ministram o curso que tem investimento de R$ 115 com aulas nos três dias das 19h às 22h. A idade mínima para participar é 15 anos.

Já no dia 20, o fotógrafo Marco Felippe conduz a oficina “Como filmar e editar com o celular”, das 14h às 18h, para participantes com idade mínima de 16 anos. Serão abordadas configurações básicas, técnicas de filmagem, edição e postagem de vídeos nas redes sociais por meio de aplicativos. O investimento é de R$ 70 e é necessário levar um smartphone ou tablet para participar.

A forma de inscrição para ambos os cursos é a mesma: envie um e-mail com nome completo e o curso que deseja fazer para [email protected]

MOSTRAS – A partir do dia 13, às quartas-feiras, é dia de exibição de filmes seguida de bate-papo na “Mostra Cordilheira”, que apresenta três sessões com produções de realizadoras e realizadores negros ao longo da história do cinema.

A atividade é uma parceria com a equipe da Mostra de Cinema Negro Brasileiro de Curitiba e também integra o Mês da Consciência Negra da Secretaria de Estado da Comunicação Social e da Cultura.

E no dia 29, das 19h às 22h, o museu promove a “1ª Mostra de videoclipes paranaenses de Rap” com a exibição de videoclipes de grupos/artistas solo de rap paranaenses seguida de um bate-papo com os músicos e a equipe de produção.

O envio dos videoclipes pode ser feito até o dia 14 de novembro, e os melhores serão selecionados e exibidos no dia. As inscrições são gratuitas. Mais informações no site www.mis.pr.gov.br.

MÚSICA, DANÇA E GRAFITE – Com uma Kombi cheia de equipamentos de som e mixagem, o grupo de break Flying Boys Crew cria uma festa itinerante com música, dança e grafite. Bboys, bgirls, MCs e grafiteiros se reúnem com o propósito de voltar às origens do hip-hop, incentivar a autonomia e a produção cultural por onde passam.

Essa é a proposta da intervenção Kingston Kombi no dia 23 de novembro, das 14h às 18h – durante o dia, parte do muro do museu ganhará um grafite dedicado ao aniversário da institução.

CRIANÇADA – E não poderia faltar uma atração especial para o público infantil. No dia 9 (sábado), das 14h às 18h, o museu recebe brinquedos feitos artesanalmente pelo artista Marcelo Weber.

Os jogos são para toda a família e um exercício à convivência harmoniosa e à partilha de descobertas e habilidades.

Um convite à aprendizagem por meio da ludicidade e da criatividade No decorrer do dia haverá ainda uma apresentação de improvisação com a dupla Filhas da Fruta, que trabalha com palhaçaria.

SERVIÇO: 50 anos do Museu da Imagem e do Som do Paraná.

Local: Museu da Imagem e do Som do Paraná- Rua Barão do Rio Branco, 395. Centro. Curitiba/PR
(41) 3232-9113 – www.mis.pr.gov.br