16.9 C
Curitiba
quinta-feira, 18 abril 2024

Rua São Francisco, uma das mais antigas de Curitiba, tem sistema de iluminação modernizado

A Rua São Francisco, uma das mais antigas da cidade, está tendo o sistema de iluminação pública modernizado, com a substituição das antigas luminárias de lâmpadas de vapor metálico por modelos em LED, que gastam menos energia e iluminam melhor.

O trabalho começou nesta quarta-feira (24/8) e continuará nas próximas semanas, no trecho entre as ruas Presidente Faria e Barão do Serro Azul. Os serviços são executados sob a coordenação do Departamento de Iluminação da Secretaria Municipal de Obras Públicas (Smop) da Prefeitura de Curitiba.

No lugar das antigas lâmpadas de vapor de sódio de 150W de potência nas fachadas das edificações serão instaladas 49 luminárias LED de 54W de potência.

No trecho também serão revitalizados 16 postes metálicos que terão as estruturas lixadas e pintadas e as luminárias atuais de lâmpadas de 150W também substituídas por LED de 54W. O trabalho abrange ainda o aterramento dos postes. No total serão 65 novas luminárias na via.

“Com menor gasto de energia obteremos maior eficiência de luminosidade e conforto visual tanto às pessoas que fazem caminhadas em períodos noturnos, quanto às pessoas que trabalham e vivem na região. É iluminação de qualidade e de forma sustentável”, diz o secretário municipal de Obras Públicas, Rodrigo Araújo Rodrigues.

A nova iluminação vai manter a originalidade do projeto do setor histórico, mas inovar nas questões luminotécnicas. “Além de alcançar melhores resultados técnicos de iluminância e uniformidade, as luminárias instaladas em topo de poste e em suportes de parede mantêm as características arquitetônicas e histórica da rua, com uma iluminação charmosa”, explica Tony Malheiros, diretor do Departamento de Iluminação Pública da Smop.

A modernização da iluminação pública na via dá sequência ao trabalho realizado na Rua Riachuelo, onde a Prefeitura finalizou na última semana a substituição de 90 luminárias convencionais por LED no trecho entre as praças Generoso Marques e 19 de Dezembro.

O trabalho nas duas vias integra o plano de ação da Prefeitura para melhorar a iluminação pública em ruas comercias e modernizar o sistema em toda a capital, além de integrar o Rosto da Cidade, programa do município para revitalizar imóveis e ruas do Setor Histórico.

Tempos coloniais

Denominada Rua São Francisco em 1867, mas mencionada em documentos da Câmara Municipal em 1786 com outras denominações (Rua do Fogo, do Hospício, do Riachuelo e do Terço), a via que reúne diferente tipos de comércios conserva ainda o traçado dos tempos coloniais. Tempos em que se amarravam cavalos em argolas fincadas nas estreitas calçadas de pedra e se penduravam os chapéus nos beirais das casas.

Conserva também, elementos de diferentes temporalidades, visíveis nos antigos sobrados de grossas paredes, no calçamento irregular, nas construções mais recentes e, até mesmo, em atividades seculares que já inspiraram uma de suas denominações

Requalificação

Preservar a história e ao mesmo tempo preparar a rua e seu entorno para o futuro é meta constante da Prefeitura. Em 2019, as equipes condenadas pela Smop requalificaram as calçadas da Rua São Francisco no trecho entre as ruas Barão do Serro Azul e Presidente Faria.

As obras melhoraram a mobilidade, com implantação de faixa de acessibilidade e de paraciclos. As travessias elevadas nas esquinas das ruas Riachuelo e São Francisco e da Barão do Serro Azul com a São Francisco serviram para aumentar a atenção dos motoristas, que agora precisam reduzir a velocidade quando passam pelos cruzamentos, oferecendo mais segurança e conforto aos pedestres.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 116 | MARÇO/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS