As Universidades Estaduais do Paraná receberam destaque na avaliação do Guia da Faculdade 2020, ranking criado em parceria entre o jornal Estado de São Paulo (Estadão) e a Quero Educação, uma das principais startups da área educacional do Brasil. As universidades tiveram 159 cursos de graduação avaliados como excelente (5 estrelas) e muito bom (4 estrelas).

O Guia da Faculdade utiliza uma metodologia conhecida como “avaliação por pares” para analisar a qualidade do projeto pedagógico, do corpo docente e da infraestrutura de 14 mil cursos superiores em todo o país. Mais de 9 mil coordenadores de cursos superiores e professores universitários fazem parte da comissão de avaliação do ranking.

“Assim como aconteceu no Enade, as nossas estaduais se destacaram pela qualidade dos cursos de graduação ofertados”, disse o superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Bona. “Devido à capilaridade, é possível afirmar que as nossas universidades são responsáveis pela formação de profissionais qualificados em todo o Estado do Paraná”, afirmou.

Segundo o ranking, as instituições públicas continuam sendo a principal referência do ensino superior em termos de qualidade. Entre os cursos que atingiram o conceito máximo de 5 estrelas no Guia da Faculdade, 87% pertencem às universidades públicas.

INSTITUIÇÕES – Todas as instituições de ensino superior cadastradas no Ministério da Educação (universidades, centros universitários, faculdades e institutos) são convidadas para fazer parte do Guia da Faculdade. Após se cadastrarem para participar da avaliação, elas indicam todos os cursos superiores que estão recebendo novos alunos.

CURSOS – Na Universidade Estadual de Londrina (UEL) os cursos de Letras – Português e Pedagogia atingiram nota máxima na avaliação. A UEL também teve outros 40 cursos que alcançaram 4 estrelas.

A Universidade Estadual de Maringá (UEM) teve a graduação em Farmácia avaliada com nota máxima e outros 37 cursos com 4 estrelas. Segundo a pesquisadora institucional da UEM, Márcia Marcondes Altimari Samed o Guia da Faculdade substituiu o Guia do Estudante, da Editora Abril, que durante algumas décadas representou um dos principais norteadores para a escolha de um curso de graduação, realizada pelos estudantes do ensino médio no país.

Na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) os destaques foram os cursos de Química e Matemática (EaD), ambos com nota máxima na avaliação. Outros 19 cursos da UEPG conquistaram 4 estrelas.

A Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) teve 39 cursos com 4 estrelas, seguida pela Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro) com 11 e a Universidade Estadual da Paraná (Unespar) com 8.