15 C
Curitiba
sábado, 18 maio 2024

Colégios estaduais começam a receber segunda remessa de carteiras de novo formato

O Governo do Estado, por meio da Secretaria da Educação, já iniciou a entrega da segunda remessa de cadeiras e de mesas escolares em formato de trapézio — novo modelo que permite sua organização em diferentes formas, como círculos. Os 30 mil novos conjuntos serão destinados a colégios estaduais que precisem substituir carteiras danificadas ou que tenham passado por um aumento de matrículas neste ano. Além disso, o mobiliário também será enviado às novas salas que substituem as salas de madeira.

As entregas serão feitas pelo Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar) até o segundo semestre deste ano, conforme a necessidade de cada instituição de ensino. A expectativa é de atender quase 300 colégios em cerca de 150 municípios. O investimento do Governo do Estado foi de R$ 9,2 milhões.

“Os novos conjuntos permitem mais interação entre os alunos, o que deixa a aula mais dinâmica, além de tornar o ambiente ainda mais agradável para todos”, diz o diretor-presidente do Instituto Fundepar, Marcelo Pimentel Bueno.

Diretora do Colégio Estadual Rui Barbosa, em Apucarana, no Vale do Ivaí, Lilian Borin afirma que o novo modelo de carteira proporciona mais flexibilidade para alunos e professores. “Elas permitem diferentes arranjos da sala, facilitando a colaboração em grupos e atividades práticas, tornando o aprendizado mais interativo”.

Silmara Rosseto, professora no Colégio Estadual Itacelina Bittencourt, em Cianorte, no Noroeste, também elogia o novo mobiliário. “Com a disposição fornecida pelas carteiras, os alunos podem atuar como parceiros do professor”, diz.

OUTROS 112,7 MIL CONJUNTOS — A primeira remessa de carteiras do novo modelo, composta por 32,7 mil conjuntos, foi entregue ao longo do primeiro trimestre deste ano para 392 escolas de 132 municípios. O investimento foi de R$ 10 milhões. Além disso, também houve, até o mês de abril, a entrega de 80 mil carteiras convencionais, que correspondem a  um investimento de R$ 26,6 milhões. Estas chegaram a cerca de 600 colégios, em mais de 100 municípios.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 117 | ABRIL/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS