15 C
Curitiba
segunda-feira, 20 maio 2024

Inscrições para o casamento coletivo gratuito de Curitiba podem ser feitas até o dia 10 de março

Para os casais que querem formalizar a união, o casamento coletivo gratuito é uma alternativa que permite compartilhar a felicidade com toda a comunidade. O evento acontece a cada dois anos em Curitiba e é promovido pelo programa Justiça no Bairro, do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, em parceria com a Prefeitura de Curitiba e o Serviço Social do Comércio (Sesc) Cidadão. A cerimônia será realizada na Arena da Baixada, no dia 25 de março. As inscrições foram prorrogadas e podem ser feitas até o dia 10 de março.

Nesta edição, a novidade é que também podem se inscrever moradores de outros municípios do Paraná. A inscrição pode ser feita nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), em Curitiba (Confira os endereços). Na Região Metropolitana e demais regiões do Paraná, também é possível inscrever-se no Cartório de Registro Civil mais próximo, ou na Secretaria de Ação Social do município. 

O Justiça no Bairro, além de capitanear o evento, também presta outros serviços de assistência jurídica à comunidade. Criado há 20 anos, o programa é coordenado pela desembargadora Joeci Machado Camargo, também responsável por idealizar os casamentos coletivos. 

Euforia

Segundo a desembargadora, a celebração é um momento de euforia para os casais e também para a comunidade, que se alegra diante da felicidade do matrimônio e participa na hora de doar roupas e apetrechos de festa. Ela conta que já há um grande acervo de peças prontas para a cerimônia e encoraja a inscrição dos noivos do Paraná.

“Agora é o momento dos noivos anteciparem a documentação necessária, para poder aproveitar a festa mais tarde. Será realmente uma grande celebração de amor. Ocorrem grandes campanhas de arrecadação de roupas de festa, vestidos de noiva, camisas e adereços numa manifestação de solidariedade”, disse Joeci.

Documentos exigidos

  • Documento de Identidade: RG e CPF;
  • Comprovante de residência dos noivos – original e atualizada (conta de luz ou água);
  • Certidão de Nascimento (atualizada – 90 dias), se solteiro(a);
  • Certidão de Casamento com Averbação de Divórcio (atualizada – 90 dias), se divorciado(a) + Formal de partilha de bens do processo de divórcio ou certidão negativa de bens;
  • Comprovante de renda (1 salário mínimo e meio por pessoa ou 3 salários mínimos o casal): a renda deve ser comprovada no dia da inscrição.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (41) 3304-2266, que é do Sesc, e (41) 3200-2802, do Justiça no Bairro.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 117 | ABRIL/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS