15.4 C
Curitiba
sexta-feira, 24 maio 2024

Vale do Pinhão promove geração de empregos e capacitação profissional em Curitiba

Entre as medidas adotadas pela Prefeitura a partir de 2017 que contribuíram para que Curitiba fosse eleita a cidade mais inteligente do mundo, esteve a criação, em 2017, do Vale do Pinhão. Desde então, o ecossistema de inovação curitibano contribui com programas e projetos para a geração de novos empregos, a manutenção de talentos profissionais na cidade. 

Nos últimos sete anos, o Vale do Pinhão tem fomentado a integração de poder público, empresas, meio acadêmico e sociedade civil para promover o desenvolvimento socioeconômico no município, além de gerenciar, por meio da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, ações que estimulam a geração de empregos, o desenvolvimento das empresas e o aumento da qualificação dos profissionais na cidade.

Inovação e incentivos

Entre as ações do Vale do Pinhão, estão projetos para atrair novas empresas e investidores para a cidade, como o Invest Curitiba e o Innovate Curitiba; programas que fomentam o crescimento daquelas já instaladas na capital, como o Tecnoparque e o projeto de inovação aberta Link Vale do Pinhão e Ecossistemas Metropolitanos de Inovação, em parceria com o Sebrae-PR; e aqueles que estimulam os curitibanos a desenvolverem seus negócios, como Curitiba Empreendedora, Bom Negócio e o Empreendedora Curitibana.

Também incluem capacitações para que os profissionais se qualifiquem para os postos de trabalho em um mercado que cada vez mais precisa de habilidades com as tecnologias digitais e a inovação, com a Escola de Inovação.

Centro de Inovação

Com a inauguração, em março, do Pinhão Hub, o centro de inovação público da cidade, Curitiba ganhou um ponto de encontro do ecossistema para a promoção de conexões que geram negócios, produtos e novas tecnologias na cidade.

Cidade das startups

Lar de três empresas unicórnios – MadeiraMadeira, Olist e Ebanx, que, juntas, somam 2,7 mil empregos gerados -, Curitiba oferta o ambiente ideal para abertura e desenvolvimento de novas startups, o que reflete no aumento de abertura dessas empresas de tecnologia e inovação na cidade nos últimos anos.

Com o programa Cidade das Startups, a Agência Curitiba oferta apoio, orientação e auxílio às startups sediadas na capital paranaense.

Nos Worktibas, as três unidades do primeiro coworking público do Brasil, Curitiba oferece uma pré-incubadora para empresas de base tecnológica e de impacto socioambiental, um verdadeiro berço para startups recém-nascidas crescerem com consistência e  que já beneficiaram 266 empresas.

Tecnoparque

Retomado em 2018 pela gestão do prefeito Rafael Greca, o programa Tecnoparque reduz a tributação do ISS de 5% para 2% para empresas de base tecnológica instaladas em Curitiba.

Entre 2018 e 2023, o Tecnoparque da Prefeitura de Curitiba já assegurou R$386 milhões de redução em ISS a 132 empresas beneficiadas, para investimento em projetos inovadores.

Empreendedorismo

Além disso, a Prefeitura e a Agência Curitiba oferecem capacitações, consultorias, mentorias e incentivos para o desenvolvimento das micro e pequenas empresas.

O Programa Bom Negócio foi reformulado para atender às novas demandas do mercado, com 175 horas de aulas em sete jornadas de cursos gratuitos, com professores das universidades de Curitiba, Sebrae-PR, Kenzie Academy e Isae/FGV Escola de Negócios e soma 14,4 mil participantes.

Entre eles, a empreendedora Tania Cristina de Souza Genovez, 57 anos, formada pelo programa em 2023. Ela contou que, mesmo pós-graduada em Gestão de Negócios, sentiu dificuldades em gerenciar seu empreendimento, o Tania Cristina Home Decor, nascido em 2019.

“Minhas expertises eram nas áreas financeira e de atendimento ao cliente e dúvidas de como gerenciar corretamente apareceram. O Programa Bom Negócio veio ao encontro das minhas necessidades e ganhei confiança. É um programa completo, que ainda oferta mentorias, importantes para sanar as dúvidas e ter um direcionamento assertivo”, disse Tania.

Para fomentar o protagonismo feminino nos negócios, o Programa Empreendedora Curitibana, realiza capacitações e encontros de desenvolvimento do empreendedorismo, como Prêmio Empreendedora, que está com as inscrições abertas para a edição de 2024.

Microempreendedor Individual

Curitiba tem nove Espaços Empreendedor, nas Ruas da Cidadania, com suporte gratuito a quem quer se tornar microempreendedor individual (MEI) ou já é, para tirar dúvidas e emissão de documentos, solicitar garantia para crédito financeiro. Nos últimos se teanos, 378,7 mil pessoas foram atendidas nos Espaços Empreendedor.

Relacionados

EDIÇÃO IMPRESSA Nº 118 | MAIO/2024

spot_img

ÚLTIMAS NOTÍCIAS